A edição traz artigos que versam sobre a história da comunicação na Amazônia, levando em consideração a transformação de processos comunicativos autóctones ou introduzidos pelos colonizadores, desde as formas de intercâmbio de ideias mais rústicas até as tecnologias de informação mais recentes. As abordagens levam em conta a grande hibridação das metodologias e formas de trabalho no terreno de comunicação e da história, envolvendo desde a análise qualitativa ou quantitativa, temporalidades micro ou geo-históricas, desde que concernentes ao cosmo amazônico - brasileiro ou não.  

 

Organização do Dossiê Temático:

Prof. Dr. Luis Francisco Munaro/Universidade Federal de Roraima (UFRR), Associação Brasileira de Pesquisadores de História da Mídia (ALCAR)-Norte, Brasil

Profa. Dra. Netília Silva dos Anjos Seixas/Universidade Federal do Pará (UFPA)

Organização dos Artigos e Temas Livres:

Prof. Dr. Francisco Gilson Rebouças Porto Junior/ Universidade Federal do Tocantins (UFT)

Taxa de endogenia do número: 5%  | Taxa de aceitação do número:  42,55%  | Taxa de recusa do número: 57,45%   (Veja as estatísticas em Critérios de Qualidade)

Arquivamento permanente do número em:

Revista Observatório Dataverse/Harvard Dataverse: doi:10.7910/DVN/OLSXMB

The Internet Archive: https://archive.org/details/observatorio.v.2.n.5.2016

Publicado: 2016-12-25

Editorial

Tema Livre / Free Theme / Tema Libre

Nominata