FORMAÇÃO, COMUNICAÇÃO E EDUCAÇÃO PÓS-BOLONHA: um novo futuro?

Palavras-chave: editorial

Resumo

Chegamos a conclusão do terceiro ano editorial da Revista Observatório com chave de ouro: durante esse período tivemos diversos avanços na estrutura editorial, que permitiu pensar a revista além do que é feito no momento. Tivemos a agregação de novos atores: na revisão linguística (em português, inglês, espanhol e francês); na edição de mídias sociais que tornou nossa página no Facebook mais visível (passando de 2 mil curtidas!); na edição de metadados, onde voluntários que se debruçam para melhorar os mecanismos de pesquisa na revista e na indexação; e, novos indexadores, que atualizam o conteúdo da revista nos vários espaços de presença da revista. Todo esse sistema alimentado por voluntários dos vários cantos do Brasil e do Exterior!

Nesse número publicamos dois dossiês temáticos: o primeiro intitulado Processos formativos, Comunicação e Educação Pós-Bolonha, organizado pelos professores Luis Carlos Martins de Almeida Mota (Coimbra, Portugal) e Francisco Gilson Rebouças Porto Junior (Palmas, Brasil); o segundo intitulado Mulher e Mídia 2, organizado pelos professores Sandra de Souza Machado (Brasília, DF) e Cynthia Mara Miranda (Palmas, Brasil), dá continuidade a temática da mulher e a presença na mídia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luis Carlos Martins de Almeida Mota, Instituto Politécnico de Coimbra

Doutor em História da Cultura pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Professor adjunto na Escola Superior de Educação, do Instituto Politécnico de Coimbra. Investigador integrado do Grupo de Políticas e Organizações Educativas e Dinâmicas Educacionais (GRUPOEDE), do Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX (CEIS20), da Universidade de Coimbra.E-mail: mudamseostempos@gmail.com.

Francisco Gilson Rebouças Porto Junior, Universidade Federal do Tocantins (UFT)

Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior é doutor em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia (UFBA), mestre em Educação pela Faculdade de Educação (UnB) e graduado em Comunicação Social/Jornalismo (ULBRA) e Pedagogia (UnB). Atualmente é líder do Núcleo de Pesquisa e Extensão e Grupo Lattes Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino (OPAJE-UFT). É professor na Fundação Universidade Federal do Tocantins (UFT). Coordena pesquisas em ensino de jornalismo digital e preservação da Memória. Pesquisa sobre formação, ensino e processos educativos no Brasil, na União Europeia, CPLP/PALOPS e BRICS. E-mail: gilsonporto@uft.edu.br. 

Cynthia Mara Miranda, Universidade Federal do Tocantins

Doutora e mestre em Ciências Sociais (UnB), graduada em Comunicação Social (UFT) professora Adjunta do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Sociedade e do curso de Jornalismo da  Universidade Federal do Tocantins (UFT). Integra o Núcleo de Pesquisa e Extensão Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino (Opaje-UFT). E-mail: cynthiamara@mail.uft.edu.br.  

Sandra de Souza Machado, Universidade de Brasília

Doutora em História pela Universidade de Brasília (UnB) e Master of Arts em Cinema e TV pela The American University, Washington, D.C. EUA. É jornalista e blogueira (Blog da Igualdade – Correio Braziliense - http://blogs.correiobraziliense.com.br/igualdade/), e professora visitante da UnB. E-mail: sandramachado14@gmail.com.

Referências

sem referências

Publicado
2017-10-01
Como Citar
MOTA, L.; PORTO JUNIOR, F. G. R.; MIRANDA, C.; MACHADO, S. FORMAÇÃO, COMUNICAÇÃO E EDUCAÇÃO PÓS-BOLONHA: um novo futuro?. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 25-37, 1 out. 2017.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

1 2 3 4 5 6 7 8 > >>