Reflexões sobre a cultura da imagem e o imaginário feminino na publicidade

Palavras-chave: Cultura da imagem, Ideal de beleza, mulher, Publicidade

Resumo

O paper reflete a construção de práticas de consumo sobre a idealização da imagem feminina a partir da publicidade. A análise mostrou corpos femininos erotizados e disciplinados, que vendem um padrão ideal de beleza distinto e distante da diversidade das mulheres brasileiras; as peças também apontam que a mulher na atualidade vivencia paradoxos uma vez que é preciso se anular em um determinado momento para poder ser uma mulher desejada e realizada em outro, e ainda apresentam o contexto de um reforço do imaginário feminino em torno de uma mistificação da mulher, mas tudo à luz da sociedade do consumo.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Verônica Dantas Meneses, Universidade Federal do Tocantins

Jornalista e Mestre em Sociologia pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e doutora em Comunicação pela Universidade de Brasília (UnB). É professora do Curso de Jornalismo da Universidade Federal do Tocantins (UFT). E-mail: veronica@mail.uft.edu.br.

Cynthia Mara Miranda, Universidade Federal do Tocantins

Doutora e mestre em Ciências Sociais (UnB), graduada em Comunicação Social (UFT) professora Adjunta do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e do curso de Jornalismo da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Bolsista de Produtividade em Pesquisa da UFT. E-mail: cynthiamara@mail.uft.edu.br.

Referências

Referências bibliográficas

CANCLINI, N. G.. Consumidores e Cidadãos. Rio de Janeiro: Ática, 1991.

ANDRADE, Â.. BOSI, M. L. M.. Mídia e subjetividade: impacto no comportamento alimentar feminino. Revista de Nutrição. Campinas. Vol.? n.? p. 117-25, 2003.

BOURDIEU, P.. A dominação masculina. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1998.

DEBORD, G.. A Sociedade do Espetáculo. Rio de Janeiro: Contraponto, 1997.

HÉRITIER, .F.. Modele dominant et usage du corps dês femmes. In: HÉRITIER, Françoise et ali. Le corps, le sens. Paris: Centre Roland Barthes, Éditions Seuil, 2007. p. 15 - 86.

KLEIN, A.. Cultura da visibilidade entre a profundidade das imagens e a superfície dos corpos. In: MÈDOLA, Ana Sílvia Lopes; ARAÚJO, Denize Correa; BRUNO, Fernanda (orgs). Imagem, visibilidade e cultura midiática. Livro da XV Compôs. Porto Alegre: Sulina, 2007

MORENO, R.. A Imagem da Mulher na Mídia: Controle Social Comparado. São Paulo: Publisher Brasil, 2012.

MOTA, L.. G.. Narratologia: análise da narrativa jornalística. Brasília: Casa das Musas, 2005.

ROSE, D. Análise de imagens em movimento. In.: BAUER, M. W.; GASKELL, G. (Eds). Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som. Um manual prático. 5 ed. Tradução de Pedrinho GUARESCHI. Petrópolis: Vozes, 2002.

SIQUEIRA, D. da C. O.; FARIA, A. A. Corpo, saúde e beleza: representações sociais nas revistas femininas. In: XXIX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, XXIX, 2006. Anais...Brasília: UnB, 2006. p.1-15.

TEIXEIRA COELHO. Dicionário crítico de política cultural. São Paulo: Iluminuras, 1997.

Publicado
2015-09-30
Como Citar
MENESES, V. D.; MIRANDA, C. M. Reflexões sobre a cultura da imagem e o imaginário feminino na publicidade. Revista Observatório, v. 1, n. 1, p. 171-193, 30 set. 2015.

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>