JORNALISMO E OPINIÃO PÚBLICA: a cobertura jornalística de sites do Amapá sobre a extinção da Renca na Amazônia

Palavras-chave: amazonia

Resumo

O presente artigo objetiva debater o jornalismo na formação da opinião pública com recorte em temas de meio ambiente. A análise compreende a cobertura de três sites de notícias do Amapá sobre a extinção da Reserva Nacional de Cobres Associados (Renca), na Amazônia, em agosto de 2017, de acordo com a tríade funcional do jornalismo ambiental (informativo, pedagógico e político). Foram verificados 20 textos publicados pelo G1 Amapá, Diário do Amapá e SelesNafes.Com, entre 23 e 30 do referido mês após o decreto presidencial que extinguiu a reserva. A discussão apontou a predominância de conteúdos políticos, porém em seu aspecto partidário, tendo o enquadramento contra a medida do Palácio do Planalto.

 

PALAVRAS-CHAVES: jornalismo ambiental; jornalismo e opinião pública; Amazônia; meio ambiente.

 

 

ABSTRACT

This article aims to discuss journalism in the formation of public opinion with a focus on environmental issues. The analysis includes coverage of three Amapá news sites on the extinction of the National Reserve of Cobres Associados (Renca), in the Amazon, in August 2017, according to the functional triad of environmental journalism (informative, pedagogical and political). Twenty texts published by G1 Amapá, Diário do Amapá and SelesNafes.Com were verified between 23 and 30 of said month after the presidential decree that extinguished the reservation. The discussion pointed to the predominance of political content, but in its party aspect, and the framework against the measure of the Planalto Palace.

 

KEYWORDS: environmental journalism; journalism and public opinion; Amazônia; environment.

 

 

RESUMEN

El presente artículo objetiva debatir el periodismo en la formación de la opinión pública con recorte en temas de medio ambiente. El análisis comprende la cobertura de tres sitios de noticias de Amapá sobre la extinción de la Reserva Nacional de Cobres Asociados (Renca), en la Amazonia, en agosto de 2017, de acuerdo con la tríada funcional del periodismo ambiental (informativo, pedagógico y político). Se verificaron 20 textos publicados por el G1 Amapá, Diario de Amapá y SelesNafes.Com, entre el 23 y el 30 de dicho mes después del decreto presidencial que extinguió la reserva. La discusión apunta el predominio de contenidos políticos, pero en su aspecto partidista, y el encuadramiento contra la medida del Palacio del Planalto.

 

 

PALABRAS CLAVE: periodismo ambiental; periodismo y opinión pública; Amazon; medio ambiente.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paula Melani Rocha, Universidade Estadual de Ponta Grossa

Professora do Programa de Pós-Graduação Mestrado em Jornalismo e do Departamento de Jornalismo da Universidade Estadual de Ponta Grossa. Pesquisadora colaboradora do LabJor (laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo) da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Pesquisadora Fapesp. Coordenadora do grupo de Pesquisa Jornalismo e Gênero (CNPq). Pós-doutora em Jornalismo pela Universidade Fernando Pessoa (PT). Email: paulamelani@gmail.com

Abinoan Santiago Dos Santos, Universidade Estadual de Ponta Grossa

Mestrando no Programa de Pós- Graduação em Jornalismo da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), com bolsa Capes. Graduação pela Universidade Federal do Amapá (Unifap). Email: abinoansantiago@gmail.com.  

Referências

BUENO, Wilson da Costa. Jornalismo Ambiental: explorando além do conceito. Desenvolvimento e Meio Ambiente, [S.l.], v. 15, jun. 2007. ISSN 2176-9109. Disponível em: <http://revistas.ufpr.br/made/article/view/11897/8391>. Acesso em: 28 nov. 2017.

CERVELLINI, Sílvia; FIGUEIREDO, Rubens. Contribuições para o conceito de opinião pública. Opinião pública, v. 3, n. 3, p. 171-185, 1995. Disponível em <http://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/op/article/view/8641001>. Acesso em 12/12/2017.

DORNELLES, Beatriz Correa P.; GRIMBERG, Daniela. Jornalismo Ambiental: análise dos critérios de noticiabilidade na web. Vozes e Diálogo, v. 11, n. 1, 2012. Disponível em <http://meriva.pucrs.br:8080/dspace/bitstream/10923/9728/2/Jornalismo_Ambiental_analise_dos_criterios_de_noticiabilidade_na_web.pdf>. Acesso em 09/12/2017.

FANTE, Eliege Maria; MASSIERER, Carine; MORAES, Cláudia Herte; MOTTER, Sarah Bueno.A trajetória do Jornalismo e dos Jornalistas Ambientais no Brasil. In Anais: 10º Encontro Nacional de História da Mídia. Porto Alegre, 2015. Disponível em <http://www.ufrgs.br/alcar/encontros-nacionais-1/encontros-nacionais/10o-encontro-2015/gt-historia-do-jornalismo/a-trajetoria-do-jornalismo-e-dos-jornalistas-ambientais-no-brasil-o-nucleo-de-ecojornalistas-do-rs/view>. Acesso em 10/12/2017.

HABERMAS, Jürgen, (2003). Mudança Estrutural da Esfera Pública: Investigações quanto a uma categoria da sociedade burguesa. 2.ed. Trad.: Flávio Kothe. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, p. 42ss. [Strukturwandel der Öffentlichkeit. Darmistadt: Herman Luchterhand Verlag, 1961].

LAGE, Nilson. Controle da opinião pública: ensaio sobre a verdade conveniente. Rio de Janeiro: Vozes, 1998.

LIMA, Venício A. de. Mídia, rebeldia urbana e crise de representação. In MARICATO, Ermínia et al. Cidades rebeldes: passe livre e as manifestações que tomaram as ruas do Brasil. São Paulo: Boitempo: Carta Maior, 2013.

LIPPMANN, Walter. Opinião pública. Petrópolis: Vozes, 2010.

MOTTA, Camila Pelegrini. Jornalismo Ambiental em rede e a biodiversidade no foco da mídia. In Anais XXXIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Caxias do Sul, 2010. Disponível em <http://www.intercom.org.br/papers/nacionais/2010/resumos/R5-2952-1.pdf>. Acesso em 11/12/2017.

NOGUERA, Gláucia. Jornalismo, desenvolvimento e meio ambiente: a evolução da cobertura ambiental na Gazeta Mercantil – 1972 e 1992. Dissertação (Programa de Pós Graduação em Comunicação), São Paulo, p.308, 2007. Disponível em < https://casperlibero.edu.br/wp-content/uploads/2014/02/06-Jornalismo-Desenvolvimento-e-Meio-Ambiente.pdf>. Acesso em 10/12/2017.

TEIXEIRA, Taís Garcia. Jornalismo ambiental: o desafio da construção da notícia soft news. Vozes e Diálogo, v. 13, n. 02, 2014. Disponível em < http://siaiap32.univali.br/seer/index.php/vd/article/view/6421>. Acesso em 12/12/2017.

Publicado
2018-10-08
Como Citar
ROCHA, P.; DOS SANTOS, A. JORNALISMO E OPINIÃO PÚBLICA: a cobertura jornalística de sites do Amapá sobre a extinção da Renca na Amazônia. Revista Observatório, v. 4, n. 6, p. 753-775, 8 out. 2018.
Seção
Tema Livre / Free Theme / Tema Libre