RESIDÊNCIA ARTÍSTICA: Cartografias inventivas e o Devir-Planta

Palavras-chave: Fotografia, Residência Artística, Cartografia, Devir-planta, Marli Wunder

Resumo

Apresento resultados da Residência Artística: Cartografias inventivas e o devir-planta, como um desdobramento da pesquisa de Pós-Doutorado realizada no Departamento de Educação, Conhecimento, Linguagem e Arte na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), sob supervisão de Wenceslao M. de Oliveira Júnior. Vimos na residência artística possibilidades de alterar sentidos e pensamentos. Uma oportunidade de também fomentar criações e projetos que encurtem a nossa distância geográfica e nos aproximem do fazer artístico a partir da obra fotográfica de Marli Wunder.

 

PALAVRAS-CHAVE: Fotografia. Residência Artística. Cartografia. Devir-planta. Marli Wunder.

 

 

ABSTRACT

Here I present results of the Artistic Residence: Inventive Cartographies and the becoming-plant, as an unfolding of the postdoctoral research carried out in the Department of Education, Knowledge, Language and Art at the State University of Campinas (UNICAMP) under the supervision of Wenceslao M. of Oliveira Júnior. We see in the artistic residence possibilities of changing senses and thoughts. An opportunity to also foster creations and projects that shorten our geographic distance and bring us closer to artistic making from the photographic work of Marli Wunder.

 

KEYWORDS: Photography. Artistic residence. Cartography. Devir-plant. Marli Wunder.

 

 

RESUMEN

En el presente trabajo se analizan los resultados obtenidos en el análisis de los resultados obtenidos en el análisis de los resultados obtenidos en el estudio. de Oliveira Júnior. Vemos en la residencia artística posibilidades de cambiar sentidos y pensamientos. Una oportunidad de también fomentar creaciones y proyectos que acortan nuestra distancia geográfica y nos acerquen al hacer artístico a partir de la obra fotográfica de Marli Wunder.

 

PALABRAS CLAVE: Fotografía. Residencia Artística. Cartografía. Convertirse en plantas. Marli Wunder.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Amanda Mauricio Pereira Leite, Universidade Federal do Tocantins

Fotógrafa. Pós-Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Doutora e Mestre em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Professora e pesquisadora no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Sociedade e no curso de Pedagogia da Universidade Federal do Tocantins (UFT). E-mail: amandaleite@uft.edu.br.

Referências

BARROS, Laura Pozzana de e KASTRUP, Virgínia. Cartografar é acompanhar processos. In: Pesquisa-intervenção e produção de subjetividade / orgs. Eduardo Passos, Virgínia Kastrup e Liliana da Escóssia. – Porto Alegre: Sulina, 2012, (p. 131-150).

DELEUZE, Gilles. Crítica e Clinica. Tradução Peter Pál Pelbert. São Paulo: Editora 34, 1997.

INGOLD, Tim. Trazendo as coisas de volta à vida: emaranhados criativos num mundo de materiais. In: Horizontes Antropológicos, Porto Alegre, ano 18, n. 37, p. 25-44, jan./jun. 2012.

Publicado
2019-07-01
Como Citar
LEITE, A. M. P. RESIDÊNCIA ARTÍSTICA: Cartografias inventivas e o Devir-Planta. Revista Observatório, v. 5, n. 4, p. 771-776, 1 jul. 2019.