DOENÇAS E AGRAVOS PREVALENTES EM CRIANÇAS DE UMA CRECHE PÚBLICA: O OLHAR DOS FUNCIONÁRIOS DA CRECHE

  • Sandra Trindade Low
  • Amanda Katarine Correia Paes Barreto
  • Duana Gabrielle de Lemos Costa
  • Fábia Monique da Silva Centro Universitário Tabosa de Almeida ASCES – UNITA
  • Maria Isabelle Barbosa da Silva Brito Instituto Aggeu Magalhães - FIOCRUZ/PE
Palavras-chave: Creche, Saúde da Criança, Atenção Integrada às Doenças Prevalentes na Infância

Resumo

Dentre os espaços de cuidados à criança, a creche tem sido motivo de estudo no que diz respeito aos agravos à saúde infantil, por compor um ambiente coletivo, aumentando a circulação de agentes patogênicos. O objetivo deste estudo foi identificar doenças e agravos prevalentes em crianças que frequentam a creche, pelo olhar dos funcionários. Trata-se de um estudo descritivo e quantitativo. 47 profissionais integraram o estudo, a faixa etária prevalente estava entre 15-30 anos (66%). Quanto ao cargo ocupado, 54,7% estavam na instituição a menos de um ano, e 19,1% eram estagiários. Para 93,3% dos entrevistados, as gripes e resfriados são as principais doenças/agravos prevalentes nas crianças da creche. Além disso, 76,6% identificaram que são realizadas ações de prevenção e promoção da saúde, e 34% afirmaram que o público alvo das ações são os funcionários da creche. 68,1% relataram que o público alvo deve ser todos os envolvidos no desenvolvimento da criança. 40,4% assinalaram que a frequência das ações de prevenção deveria ser duas ou mais vezes no mês. Com isso, destaca-se a necessidade de realização de ações de promoção da saúde que envolvam os pais, crianças e os funcionários da creche a fim de garantir a integralidade do cuidado.

Biografia do Autor

Sandra Trindade Low

Doutora em Patologia. Professora adjunta de saúde da criança e do adolescente na Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças da Universidade de Pernambuco (FENSG/UPE), Recife, PE, Brasil.

Amanda Katarine Correia Paes Barreto

Residente em Saúde da Criança e do Adolescente no Hospital das Clínicas de Pernambuco (HCPE), Recife, PE, Brasil.

Duana Gabrielle de Lemos Costa

Residente em Enfermagem Obstétrica pelo Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP), Recife, PE, Brasil

Fábia Monique da Silva, Centro Universitário Tabosa de Almeida ASCES – UNITA

Residente em Enfermagem -  Atenção Básica, pelo Centro Universitário Tabosa de Almeida ASCES – UNITA, Caruaru, PE, Brasil.

Publicado
2019-10-02
Como Citar
Low, S. T., Barreto, A. K. C. P., Costa, D. G. de L., Silva, F. M. da, & Brito, M. I. B. da S. (2019). DOENÇAS E AGRAVOS PREVALENTES EM CRIANÇAS DE UMA CRECHE PÚBLICA: O OLHAR DOS FUNCIONÁRIOS DA CRECHE. DESAFIOS - Revista Interdisciplinar Da Universidade Federal Do Tocantins, 6(3), 43-53. https://doi.org/10.20873/uftv6-6364
Seção
Artigos