ESTÁGIO SUPERVISIONADO: experiências pedagógicas na Escola de Tempo Integral Olga Benário

Resumo

Este trabalho apresenta as experiências obtidas por meio das atividades e práticas de estágio supervisionado, cujo objetivo é a aproximação entre a teoria, vista em sala de aula e a prática do profissional pedagogo, seus desafios, dificuldades e realidades ocorridas no âmbito da Escola de Tempo Integral Olga Benário. O contato com a escola, professores, corpo diretivo, é de fundamental importância nesta formação, especialmente se levado em conta que é também o campo de atuação futuro dos estagiários.     

  

PALAVRAS-CHAVE: Estágio, Docência, Educação, Formação.

 

 

ABSTRACT

This work presents the experiences obtained through the activities and practices of supervised internship, whose objective is the approximation between the theory, seen in the classroom and the practice of the pedagogical professional, its challenges, difficulties and realities that occurred within the scope of the Escola de Tempo Integral Olga Benário. Contact with the school, teachers, the governing body, is of fundamental importance in this training, especially if it is taken into account that it is also the field of future performance of the interns.

   

KEYWORDS: Internship, Teaching, Education, Training.

 

 

RESUMEN

Este trabajo presenta las experiencias obtenidas a través de las actividades y prácticas de pasantías supervisadas, cuyo objetivo es la aproximación entre la teoría, vista en el aula y la práctica del profesional pedagógico, sus desafíos, dificultades y realidades que ocurrieron dentro del alcance de la Escola de Tempo Integral Olga Benário. El contacto con la escuela, los maestros, el cuerpo directivo, es de fundamental importancia en esta capacitación, especialmente si se tiene en cuenta que también es el campo del desempeño futuro de los pasantes.

   

PALABRAS CLAVE: Prácticas, Enseñanza, Educación, Capacitación.

 

Biografia do Autor

Naylanne Rodrigues de Castro, Universidade Federal do Tocantins

Graduanda em Pedagogia da Universidade Federal do Tocantins – UFT. E-mail: nay_lane@hotmail.com.

Francisco Gilson Rebouças Porto Junior, Universidade Federal do Tocantins (UFT)

Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior é doutor em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia (UFBA), mestre em Educação pela Faculdade de Educação (UnB) e graduado em Comunicação Social/Jornalismo (ULBRA) e Pedagogia (UnB). Atualmente é líder do Núcleo de Pesquisa e Extensão e Grupo Lattes Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino (OPAJE-UFT). É professor na Fundação Universidade Federal do Tocantins (UFT). Coordena pesquisas em ensino de jornalismo digital e preservação da Memória. Pesquisa sobre formação, ensino e processos educativos no Brasil, na União Europeia, CPLP/PALOPS e BRICS. E-mail: gilsonporto@uft.edu.br. 

Referências

ALVES, E. J.; SILVA, B. D. DA; SILVA, R. DA S. DA. MAPEAMENTO DOS ESTUDOS SOBRE A FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO ÂMBITO DO PROCESSO DE BOLONHA EM PORTUGAL. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 248-273, 1 out. 2017.

ANDREATTA-DA-COSTA, L.; CASTILHOS, A. DA C. CONTRIBUIÇÕES DO FACEBOOK PARA A ALFABETIZAÇÃO MATEMÁTICA NO 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL. Revista Observatório, v. 3, n. 5, p. 274-300, 1 ago. 2017.

BAPTAGLIN, L. A.; CHIERENTIN SANTI, V. J. AS INTERVENÇÕES ARTÍSTICAS URBANAS NO CIRCUITO DA ARTE EM RORAIMA E O POTENCIAL COMUNICATIVO DOS SABERES ARTÍSTICOS AMAZÔNICOS. Revista Observatório, v. 4, n. 4, p. 615-637, 29 jun. 2018.

BRITO, Antônia Edna. Estágio Supervisionado na Formação de Professores: Relato de Experiências. EDUECE. Livro 4. Disponível em: > http://www.uece.br/endipe2014/ebooks/livro4/15.%20DID%C3%81TICA%20E%20PR%C3%81TICA%20DE%20ENSINO%20PESQUISAS%20E%20PR%C3%81TICAS%20PEDAG%C3%93GICAS.pdf> Acesso em 22 de set. de 2019.

EVANGELISTA, F.; MARTINS , K. D.; ANGELINI, M. F. C.; ROCHA, M. J. F. SOCIEDADE DO CONHECIMENTO: O uso das TIC por docentes e as novas articulações de saberes educacionais no sudeste do Pará. Revista Observatório, v. 5, n. 5, p. 188-208, 1 ago. 2019.

GALLERT, A. Z.; TACCA, M. C. V. R. ESCOLHA PROFISSIONAL E PERSPECTIVAS DE FUTURO NA DOCÊNCIA: uma análise a partir da subjetividade dos professores. Revista Observatório, v. 2, n. 4, p. 419-441, 30 out. 2016.

LIBÂNEO, José Carlos. Pedagogia e Pedagogos, para quê? São Paulo: Cortez, 1999.

LOPES, P.; PEREIRA, S.; MOURA, P.; CARVALHO, A. Avaliação de competências de literacia mediática: o caso português. Revista Observatório, v. 1, n. 2, p. 42-61, 8 dez. 2015.

LUCENA, S.; OLIVEIRA, A. A. D. DIÁRIO ONLINE NA INICIAÇÃO À DOCÊNCIA: uma experiência de pesquisa multirrreferencial. Revista Observatório, v. 5, n. 1, p. 158-181, 14 jan. 2019.

MACHADO, L. S.; COSTA, T. K. DE L.; MORAES, R. M. DE. MULTIDISCIPLINARIDADE E O DESENVOLVIMENTO DE SERIOUS GAMES E SIMULADORES PARA EDUCAÇÃO EM SAÚDE. Revista Observatório, v. 4, n. 4, p. 149-172, 29 jun. 2018.

MELO, A. S. E. ENQUADRAMENTO HISTÓRICO LEGAL DO PROCESSO DE BOLONHA E O SEU IMPACTO NO SISTEMA DE ENSINO SUPERIOR PORTUGUÊS. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 75-141, 1 out. 2017.

MIRANDA-PINTO, M. S.; MONTEIRO, A. F.; OSÓRIO, A. J. POTENCIALIDADES E FRAGILIDADES DE ROBÔS PARA CRIANÇAS EM IDADE PRÉ ESCOLAR: 3 A 6 ANOS. Revista Observatório, v. 3, n. 4, p. 302-330, 1 jul. 2017.

MOIO, I.; ALCOFORADO, L.; VIEIRA, C. C. A DECLARAÇÃO DE BOLONHA E O REFORÇO DA ABERTURA DO ENSINO SUPERIOR A NOVOS PÚBLICOS: perceções de pessoas adultas que frequentam a Universidade de Coimbra. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 169-201, 1 out. 2017.

MOTA, L. C. M. DE A.; FERREIRA, A. G. A FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM PORTUGAL NO QUADRO DO ESPAÇO EUROPEU DE ENSINO SUPERIOR. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 38-74, 1 out. 2017.

NEIVA, I. C.; AUGUSTO, A. Comunicólogo que brinca comunica mais?. Revista Observatório, v. 1, n. 1, p. 43-62, 30 set. 2015.

NUNES, S. G.; PORTO JUNIOR, F. G. R.; MORAES, N. R. DE. CONHECIMENTO E ORGANIZAÇÃO: indicativos pós-Bolonha de uma sociedade em construção. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 338-353, 1 out. 2017.

PIMENTA, Selma Garrido, LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e Docência: 4º edição, São Paulo cortez,2009.

PIMENTA, Selma Garrido; LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e docência: diferentes concepções. Revista Poíesis, [s. n.], v. 3, n. 3, p. 5-24, 2005/2006.

PINHO, M. J. DE. UNIVERSIDADE E CRISE INSTITUCIONAL: perspectivas de uma formação humana. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 274-315, 1 out. 2017.

PORTO JUNIOR, F. G. R.; MORAES, N. R. DE. FORMANDO PESQUISADORES PÓS-BOLONHA EM PORTUGAL: relações entre a formação de graduação e o campo da pesquisa/investigação. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 202-228, 1 out. 2017.

REIS, E. G. DOS. O ENSINO SUPERIOR EM CABO VERDE E OS DESAFIOS DO PROCESSO DE BOLONHA. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 142-168, 1 out. 2017.

ROCHA, J. D. T.; NOGUEIRA, C. DA R. M. FORMAÇÃO DOCENTE: uso das tecnologias como ferramentas de interatividade no processo de ensino. Revista Observatório, v. 5, n. 6, p. 578-596, 1 out. 2019.

ROCHA, J. D. T.; NOGUEIRA, C. DA R. M.; SOUSA, J. L. DOS S.; SOUSA, G. R. DE. PRÁTICAS PEDAGÓGICAS CURRICULARES: uso das tecnologias na contemporaneidade. Revista Observatório, v. 4, n. 5, p. 673-694, 1 ago. 2018.

ROSA, T. M. O.; SILVA, L. H. O. DA; SILVA, E. DA. EXPERIÊNCIAS DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO NUM CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS: sentidos e interações nos espaços de formação. Revista Observatório, v. 4, n. 5, p. 487-511, 1 ago. 2018.

SANTOS, E.; MARTINS, V. CIBERVÍDEOS E MULTILETRAMENTOS NA EDUCAÇAO ONLINE. Revista Observatório, v. 4, n. 5, p. 231-262, 1 ago. 2018.

SANTOS, J. S. DOS; DA SILVA, E. P.; PEREIRA, I. A. C. BENEFÍCIOS PEDAGÓGICOS DO USO DE EQUIPAMENTOS CELULARES EM SALA DE AULA. Revista Observatório, v. 4, n. 5, p. 536-556, 1 ago. 2018.

SANTOS, J. S. DOS; MACEDO, M. DE L. L. PEDAGOGIA DA ALTERNÂNCIA: teoria e prática na construção do conhecimento. Revista Observatório, v. 3, n. 4, p. 581-602, 1 jul. 2017.

SILVA, B. D. DA; ALVES, E. J.; PEREIRA, I. C. A. DO QUADRO NEGRO AO TABLET: Desafios da docência na era digital. Revista Observatório, v. 3, n. 3, p. 532-560, 1 maio 2017.

SILVA, B. D.; SARTORI, A. S.; MARTINI, R. G. AS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO COMO AGENTES DE INTEGRAÇÃO DO CURRÍCULO COM A GLOCALIDADE. Revista Observatório, v. 3, n. 4, p. 387-406, 1 jul. 2017.

SILVEIRA JUNIOR, P. M. DA. Teoria, conhecimento e pragmática da comunicação: o paradigma pulsional. Revista Observatório, v. 1, n. 2, p. 136-155, 8 dez. 2015.

TEIXEIRA, I.; DA SILVA, V. C.; MARTINS, J. L. A CONVERGÊNCIA MIDIÁTICA E AS TECNOLOGIAS MÓVEIS PÓS-BOLONHA: NOVAS PRÁTICAS SOCIAIS. Revista Observatório, v. 3, n. 6, p. 229-247, 1 out. 2017.

VILAS BOAS, F. S. DE O.; MUNIZ, D. M. S. ENTRE TRAJETÓRIAS E HISTÓRIAS: a formação do professor-leitor. Revista Observatório, v. 4, n. 5, p. 206-230, 1 ago. 2018.

Publicado
2019-09-01
Como Citar
Castro, N. R. de, & Porto Junior, F. G. R. (2019). ESTÁGIO SUPERVISIONADO: experiências pedagógicas na Escola de Tempo Integral Olga Benário. Capim Dourado: Diálogos Em Extensão, 2(3), 97-109. Recuperado de https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/capimdourado/article/view/8387

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >>