Eficiência do fosfato natural para o arroz irrigado em solo do sul do Brasil

Palavras-chave: fósforo, redução, absorção

Resumo

Com o objetivo de avaliar a eficiência do fosfato natural na cultura do arroz irrigado, foi desenvolvido um experimento onde testou-se: a) fontes de fósforo(P) : 1- Superfosfato triplo (SFT); 2- Fosfato natural (FN); e b) Doses de P: 0, 10, 20, 40 e 80 mg kg-1. Arroz da cultivar EMBRAPA 7 "TAIM", foram cultivadas em vasos durante trinta dias. O pH na solução do solo não diferiu entre as doses na mesma fonte. O P na solução aumentou com o acréscimo das doses de P, porém na primeira coleta não diferiu entre as fontes. Na segunda coleta os teores de P foram similares nas diferentes doses para a mesma fonte, diferindo apenas no SFT na dose de 80 mg kg-1. A produção de matéria seca aumentou conforme a dose de P sendo que a dose de 80 mg kg-1 foi superior nas duas fontes. Os teores de P na solução do solo e na planta, a quantidade acumulada de P e a produção de matéria seca do arroz, aumentaram com o acréscimo das doses de P aplicadas ao solo; o fosfato natural apresentou alta eficiência agronômica a partir de doses equivalentes à 40 mg kg-1 de P.
Publicado
2014-02-04
Como Citar
Bortolon, L., Bortolon, E. S. O., Gonçalves, G. K., Sousa, R. O. de, & Schlindwein, J. A. (2014). Eficiência do fosfato natural para o arroz irrigado em solo do sul do Brasil. Journal of Biotechnology and Biodiversity, 5(1), 43-49. https://doi.org/10.20873/jbb.uft.cemaf.v5n1.bortolon