A Fenomenologia e a formação humana na perspectiva de Edmund Husserl

  • CARLOS CARDOSO SILVA Universidade Federal de Goiás - UFG

Resumo

RESUMO:


O artigo discute a Fenomenologia e a Formação Humana na perspectiva de Edmund Husserl. É uma reflexão a partir do termo fenomenologia, onde procura compreensão do sentido e do significado do fenômeno, apontando que uma das principais preocupações da fenomenologia como método é evidenciar as estruturas em que a experiência ocorre, é deixar transparecer na descrição das experiências as suas estruturas universais. Apresenta as categorias de intencionalidade e epochê visando o conhecimento, onde todo ato de conhecimento (noema) corresponde a certa modalidade de consciência (noesis). Apresenta também, a categoria do Lebenswelt (o mundo-da-vida) fundamental e significativa para Husserl em toda a sua trajetória como homem e pesquisador rigoroso, discute a crise da humanidade europeia e a formação humana, uma contribuição para a educação problematizar os atuais problemas enfrentados pela humanidade.

Publicado
2017-05-11
Como Citar
SILVA, CARLOS CARDOSO. A Fenomenologia e a formação humana na perspectiva de Edmund Husserl. DESAFIOS, [S.l.], v. 4, n. 2, p. 96-111, maio 2017. ISSN 2359-3652. Disponível em: <https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/desafios/article/view/2926>. Acesso em: 25 maio 2017. doi: https://doi.org/10.20873/uft.2359-3652.2017v4n2p96.
Seção
Artigos