HORTA AGROECOLÓGICA, SEGURANÇA ALIMENTAR E EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO LAR BATISTA

  • Marcelo Henrique Toscano Silva Universidade Federal do Tocantins
  • José Pedro Gomes Galvão Universidade Federal do Tocantins
  • Valéria Sousa Pereira Universidade Federal do Tocantins
  • Rayele Moraes Silva Universidade Federal do Tocantins
  • Keile Aparecida Beraldo Universidade Federal do Tocantins

Resumo

O objetivo deste trabalho é descrever as experiências com o projeto Oficinas de Horta Agroecológica realizadas no período de abril a agosto de 2018, em parceria entre os membros do NEADS/UFT, moradores do Lar Batista e Instituto Ecocentro Sabiá. Durante a realização do projeto adotou-se uma abordagem metodológica qualitativa em três etapas, que vão desde a coleta de dados por meio de levantamento bibliográfico, planejamento das ações até observações participativas em grupos de discussão, rodas de conversa, e oficinas pedagógicas. O projeto permitiu desenvolver várias práticas que envolvem a indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, fortalecendo a política de apoio e promoção da segurança alimentar e nutricional, com práticas agroecológicas e educação ambiental.

 

PALAVRAS-CHAVE: Práticas agroecológicas. Experiências. Segurança alimentar.

 

 

ABSTRACT

The objective of this work is to describe the experiences with the project Oficinas de Horta Agroecológica carried out from April to August 2018, in partnership between NEADS / UFT members, residents of Lar Batista and Instituto Ecocentro Sabiá. During the realization of the project, a qualitative methodological approach was adopted in three stages, ranging from data collection through bibliographic survey, action planning to participatory observations in discussion groups, conversation circles, and pedagogical workshops. The project allowed the development of several practices that involve the inseparability between teaching, research and extension, strengthening the policy of support and promotion of food and nutritional security, with agroecological practices and environmental education.

 

KEYWORDS: Agroecological practices. Experiences. Food security.

 

 

RESUMEN

El objetivo de este trabajo es describir las experiencias con el proyecto Oficinas de Horta Agroecológica llevado a cabo de abril a agosto de 2018, en colaboración entre los miembros de NEADS / UFT, residentes de Lar Batista e Instituto Ecocentro Sabiá. Durante la realización del proyecto, se adoptó un enfoque metodológico cualitativo en tres etapas, que van desde la recopilación de datos hasta la encuesta bibliográfica, la planificación de acciones y las observaciones participativas en grupos de discusión, círculos de conversación y talleres pedagógicos. El proyecto permitió el desarrollo de varias prácticas que implican la inseparabilidad entre la enseñanza, la investigación y la extensión, fortaleciendo la política de apoyo y promoción de la seguridad alimentaria y nutricional, con prácticas agroecológicas y educación ambiental.

 

PALABRAS CLAVE: Prácticas agroecológicas. Experiencias Seguridad alimentaria.

 

 

Biografia do Autor

Marcelo Henrique Toscano Silva, Universidade Federal do Tocantins

Discente, Universidade Federal do Tocantins (UFT), Palmas, Tocantins, marcelotoscano@uft.edu.br.

José Pedro Gomes Galvão, Universidade Federal do Tocantins

Discente, Universidade Federal do Tocantins (UFT), Palmas, Tocantins, josepedrogalvao@gmail.com

Valéria Sousa Pereira, Universidade Federal do Tocantins

Discente, Universidade Federal do Tocantins (UFT), Palmas, Tocantins, valeria.s.pereira@mail.uft.edu.br.

Rayele Moraes Silva, Universidade Federal do Tocantins

Discente, Universidade Federal do Tocantins (UFT), Palmas, Tocantins, rayele.moraes@mail.uft.edu.br.

Keile Aparecida Beraldo, Universidade Federal do Tocantins

Docente, Universidade Federal do Tocantins (UFT), Palmas, Tocantins, keile@uft.edu.br. 

Referências

BERALDO, K. A.; MENDONÇA, R. M. G; RODRIGUES, W. Núcleos de Estudos em Agroecologia: uma política pública para o fortalecimento da extensão universitária. Revista do Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural (UFV), v. 7, n. 1, p 398-416, jan-jun 2018.

CRIBB, S. Contribuições da educação ambiental e horta escolar na promoção de melhorias ao ensino, à saúde e ao ambiente. Ensino, Saúde e Ambiente Backup, v. 3, n. 1, 2010.

FREITAS, B.; BERNARDES, M. B. J. Educação ambiental: ações construtivas em espaços não formais. In: XI Congresso Nacional de Educação, Curitiba, p 1-19, 2013.

GIBBS, G. Análise de dados qualitativos (Coleção pesquisa qualitativa). Porto Alegre: Artmed, 2009.

MORGADO, F. S. A horta escolar na educação ambiental e alimentar: experiência do Projeto Horta Viva nas escolas municipais de Florianópolis. 2006, 50f. Trabalho de Conclusão de Curso (Curso de Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2006.

OLIVEIRA, F.; PEREIRA, E.; JÚNIOR, A. P. Horta escolar, Educação Ambiental e a interdisciplinaridade. Revista Brasileira de Educação Ambiental (RevBEA), v. 13, n. 2, p. 10-31, 2018.

SANTOS, L. A. S. O fazer educação alimentar e nutricional: algumas contribuições para reflexão. Ciência & Saúde Coletiva, v. 17, p. 455-462, 2012.

Publicado
2019-09-01
Como Citar
Silva, M. H. T., Galvão, J. P. G., Pereira, V. S., Silva, R. M., & Beraldo, K. A. (2019). HORTA AGROECOLÓGICA, SEGURANÇA ALIMENTAR E EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO LAR BATISTA. Capim Dourado: Diálogos Em Extensão, 2(3), 125-133. Recuperado de https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/capimdourado/article/view/8389