Análise Literária e Quadrinhística e transposição do Conto Assassinatos na Rua Morgue, de Edgar Allan Poe

  • Adriano Souza Freitas Instituto Federal de Alagoas

Resumo

Há um certo tempo, alguns textos literários nacionais estão sendo adaptados aos quadrinhos, nesse mesmo fluxo, estudiosos se debruçam a analisar como esta prática está sendo realizada. Seguimos caminhos semelhantes, porém a partir de um escritor estrangeiro, Edgar Allan Poe. Sendo assim, o objetivo deste trabalho é, não apenas, analisar a “adaptação” do conto Assassinatos na Rua Morgue, mas também realizar uma análise literária do conto, bem como fazer uma comparação entre as artes, sem mérito de valoração. Para a realização deste trabalho, fora utilizado livros da seara literária de escritores como Tzvetan Todorov e Massaud Moisés, bem como de escritores que se dedicam ao estudo dos quadrinhos como Thierry Groensteen. A pesquisa foi bibliográfica, no entanto, sempre que necessário buscou-se subsídio histórico-comparativo. A partir das leituras e da escrita do texto, percebeu-se a riqueza do conto literário e da sua “adaptação”, ou seja, da HQ. Sobressaindo, portanto, a ideia de que não é necessário hierarquizar as artes, pois elas são diferentes e com objetivos, em muitos casos, distintos, mas que podem se completar dependendo da finalidade.    

Biografia do Autor

Adriano Souza Freitas, Instituto Federal de Alagoas

Possui graduação em Letras – Português pela Universidade Federal de Sergipe (2009); Especialização em Língua Portuguesa (2011); e é Mestrando em Ciências Ambientais. Atualmente é professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Alagoas

Publicado
2018-01-28
Como Citar
Freitas, A. S. (2018). Análise Literária e Quadrinhística e transposição do Conto Assassinatos na Rua Morgue, de Edgar Allan Poe. Porto Das Letras, 3(2), 43 - 70. Recuperado de https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/portodasletras/article/view/3490