AMBIENTE MOODLE E AMPLIAÇÃO DO LETRAMENTO DIGITAL: experiência com gênero emergente fórum de discussão

Palavras-chave: gêneros emergentes, letramento digital, interação e interatividade, ambiente Moodle

Resumo

Descreve experiência interativa com o ambiente Moodle no componente Educação a Distância, ministrado no curso presencial de Pedagogia, da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Reflete sobre essa plataforma como esfera pública, que corresponde a um espaço dinâmico na ampliação dos letramentos digitais, a partir de práticas de leitura e de escrita mediadas pelo gênero emergente fórum de discussão. Esse gênero permitiu ao discente construir e socializar textos autorais, ampliando a interação e a participação nesse ambiente virtual. Este trabalho apresenta reflexões dos alunos sobre o processo de interação e de construção coletiva de textos, atentando-se para as relações comunicativas e de problematização do conhecimento tecidas por eles.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Úrsula Cunha Anecleto, Universidade do Estado da Bahia

Professora Assistente da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Doutora em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Docente no Mestrado em Estudos Linguísticos (PGEL/UEFS) e no Mestrado Profissional em Educação e Diversidade (MPED/UNEB). Membro do grupo de pesquisa Linguagem, Sociedade e Produção de Conhecimento (LINSP/UEFS). E-mail: ursula.cunha@hotmail.com.

Referências

ALVES, Lynn. Um olhar pedagógico das interfaces do Moodle. In: ALVES, Lynn; BARROS, Daniela; OKADA, Alexandra. Moodle: estratégias pedagógicas e estudo de caso. Salvador: EDUNEB, 2009.

CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede. A era da informação: economia, sociedade e cultura. Vol. 1. Tradução Roneide Venancio Majer. 6 ed. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

FRADE, Isabel Cristina A. da Silva. Alfabetização digital: problematização do conceito e possíveis relações com a pedagogia e com aprendizagem inicial do sistema de escrita. In: COSCARELLI, Carla Viana e RIBEIRO, Ana Elisa. Letramento digital: aspectos sociais e possibilidades pedagógicas. 2 ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

HABERMAS, Jürgen. Mudança estrutural da esfera pública. Tradução Flávio Kothe. Rio de Janeiro: Tempos Modernos, 1984.

HABERMAS, Jürgen. Direito e democracia. Entre factividade e validade. Volume 2. Tradução Flávio Beno Siebeneichler. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1997.

HABERMAS, Jürgen. Técnica e ciência como ideologia. Lisboa: Edições 70, 2006.

HABERMAS, Jürgen. Teoria do agir comunicativo: racionalidade da ação e racionalização social. Vol 1. Tradução Paulo Astor Soethe. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2012.

LÉVY, Pierre. As tecnologias da inteligência: o futuro do pensamento na era da informática. Tradução Carlos Irineu da Costa. Rio de Janeiro: Editora 34, 1993.

LÉVY, Pierre. O que é virtual? Trad. Paulo Neves. São Paulo: Ed. 34, 1996.

MARCUSCHI, Luiz Antonio. Gêneros textuais: definição e funcionalidade. In: DIONÍSIO, Angela Paiva; MACHADO, Anna Rachel; BEZERRA, Maria Auxiliadora. Gêneros textuais e ensino. 5 ed. Rio de Janeiro: Lucerna, 2007.

PAPERT, Seymour. A máquina das crianças. Porto Alegre: Artes Médicas, 1994.

PRIMO, Alex. Interação mútua e reativa: uma proposta de estudo. Revista Farmecos. Jan. 2000, n.12, p. 81-92.

SANTOS, Edmea. Por autorias livres, plurais e gratuitas. Revista da FAEEBA - Educação e Contemporaneidade, Salvador, v. 11, n. 18, p. 425-435, jul./dez. 2002.

SANTOS, Edmea. Educação online para além da EAD: um fenômeno da cibercultura. Actas do X Congresso Internacional Galego-Português de Psicopedagogia. Braga: Universidade do Minho, 2009. Disponível em: http://www.educacion.udc.es/grupos/gipdae/documentos/congreso/xcongreso/pdfs/t12/t12c427.pdf. Acessado em: 26 de agosto de 2017.

SILVA, Marco. Sala de aula interativa. 6 ed. São Paulo: Edições Loyola, 2012.

SOARES, Magda. Novas práticas de leitura e escrita: letramento na cibercultura. Educ. Soc, Campinas, vol. 23, n. 81, p. 143-160, dez. 2002.

VALENTE, Luís; MOREIRA, Paulo; DIAS, Paulo. Moodle: Moda, mania ou inovação na formação? In: ALVES, Lynn; BARROS, Daniela; OKADA, Alexandra. Moodle: estratégias pedagógicas e estudo de caso. Salvador: EDUNEB, 2009.

Publicado
2018-08-01
Como Citar
ANECLETO, ÚRSULA C. AMBIENTE MOODLE E AMPLIAÇÃO DO LETRAMENTO DIGITAL: experiência com gênero emergente fórum de discussão. Revista Observatório, v. 4, n. 5, p. 182-205, 1 ago. 2018.

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)