A construção social do mercado de bovinocultura de corte na região central do estado do Tocantins a luz da sociologia econômica

  • Mariane Freiesleben Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins.
  • Flavio Eliziario de Souza IFTO - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar a bovinocultura de corte na região central do estado do Tocantins. Esta atividade é responsável por um volume substantivo de recursos e movimenta transações de trocas entre os vários agentes nos diversos municípios analisados. A cadeia produtiva tem a participação de produtores, indústria frigorífica, rede varejista e consumidores. Todos esses atores produzem relações de troca que acabam por formar um mercado na região, onde compradores, vendedores e atravessadores se encontram.  O estudo tem caráter exploratório e foi construído por meio de pesquisa em sítios da internet, publicações especializadas e, em estudos empíricos sobre os mercados. Como base teórica utilizou-se a sociologia econômica. Os resultados demonstram que existe uma concentração no setor com poucos estabelecimentos frigoríficos, que existe uma disputa entre pecuaristas e indústria de carnes e entre esta e os grandes varejistas, que a confiança entre esses atores é um ponto de fragilidade no sistema e que a indústria utiliza a oferta de outras regiões para equilibrar os preços a seu favor.

Biografia do Autor

Mariane Freiesleben, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins.
Mestre em Ciências do Ambiente - na Universidade Federal do Tocantins; Pós-Graduada em METODOLOGIA DO ENSINO DA GEOGRAFIA APLICADA AO PLANEJAMENTO AMBIENTAL (2005). Graduada em Geografia pela Universidade Estadual do Maranhão (2004). Atualmente ministra aula no IFTO - Institudo Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins - Campus Paraíso do Tocantins. Dedica-se a estudos relacionados com temas do ensino e aprendizagem das Ciências Naturais e Humanas. Participando de eventos como VII CONNEPI - CONGRESSO NORTE NORDESTE DE PESQUISA E INOVAÇÃO, 2012, PALMAS - TO. AÇÕES SUSTENTÁVEIS PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL. , 2012.; FEBRACE - Feira Brasileira de Ciências e Engenharia, 2013, São Paulo. Feira Brasileira de Ciências e Engenharia, além da 65ª Reunião do SBPC - Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência realizado na Universidade Federal de Pernambuco - UFPE, Recife/PE, Brasil.
Publicado
2018-10-17