AS RELAÇÕES ETNICORRACIAIS NA GEOGRAFIA ESCOLAR: DESAFIOS METODOLÓGICOS E PEDAGÓGICOS

  • Lorena Francisco de Souza Universidade Estadual de Goiás
Palavras-chave: relações étnico-raciais, geografia escolar, currículo

Resumo

Este trabalho corresponde a reflexões baseadas num projeto em andamento, sob minha coordenação, que visa discutir a questão étnico-racial no processo educativo das escolas de ensino básico a partir da geografia escolar. Desde a implementação da Lei 10.639/03 que obriga o ensino de história da África e cultura afro-brasileira nos currículos escolares, a Geografia, mais precisamente as reflexões e pesquisas sobre o ensino de geografia, pouco tem tratado sobre os caminhos pelos quais a geografia escolar, em suas especificidades, com conceitos e categorias próprios, pode contribuir com o ensino das relações étnico-raciais em seus conteúdos, seja a partir dos Parâmetros Curriculares Nacionais, seja a partir de sua matriz curricular. A pesquisa propõe, a priori, analisar também a abordagem étnico-racial presente/ausente nos conteúdos programáticos da geografia escolar, bem como o tratamento das relações étnico-raciais e “africanidades” nos materiais didáticos e nas práticas pedagógicas de professores/as do ensino básico em Itapuranga-GO.

Biografia do Autor

Lorena Francisco de Souza, Universidade Estadual de Goiás

Professora do curso de Geografia na Universidade Estadual de Goiás – Campus Itapuranga

Referências

ANJOS, Rafael Sanzio A. dos. A geografia, a África e os negros brasileiros. In: MUNANGA, Kabengele (org.). Superando o racismo na escola. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade, 2005. pp.155-172.
CANDAU, Vera Maria Ferrão. Sociedade, cotidiano escolar e cultura(s): uma aproximação. Educação & Sociedade, ano XXIII, no 79, Agosto/2002.
CAVALCANTI, Lana de Souza. A geografía e a realidade escolar contemporânea: avanços, caminhos, alternativas. In: Anais do I Seminário Nacional: currículo em movimiento – perspectivas atuais, Belo Horizonte, novembro de 2010.

______. Cotidiano, mediação pedagógica e formação de conceitos: uma contribuição de vygotsky ao ensino de geografia, Cad. Cedes, Campinas, vol. 25, n. 66, p. 185-207, maio/ago. 2005.

______. Geografia, escola e construção de conhecimentos. Campinas, SP: Papirus, 1998.- (Coleção magistério: Formação e trabalho pedagógico).

CAVALLEIRO, Eliane dos Santos. Identificando o racismo, o preconceito e a discriminação racial na escola. In: LIMA, Ivan C. et al. (orgs.). Os negros e a escola brasileira. Florianópolis: Núcleo de Estudos Negros-NEN, 1999. (Série Pensamento Negros em Educação, n. 06)
COSTA, Raphael Luiz Silva da; DUTRA, Diego França. A lei 10639/2003 e o ensino de Geografia: representação dos negros e África nos livros didáticos. In: Anais X Encontro Nacional de Prática de Ensino em Geografia, Porto Alegre, 30 de agosto a 02 de setembro de 2009.

FIGUEIREDO, Otto Vinicius Agra. Política educacional e a questão racial brasileira. Disponivel em: http://www.forumdasads.com.br/. Acesso em: junho de 2010.
FURLAN, Sueli Ângelo. A Geografia na sala de aula: a importância dos materiais didáticos. Disponível em: http://www.tvebrasil.com.br/salto. Acesso em: 23 de junho de 2004.
GOMES, Nilma L. Alguns termos e conceitos presentes no debate sobre relações raciais no Brasil: uma breve discussão. In: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Brasil. Educação anti-racista: caminhos abertos pela Lei Federal n. 10639/03. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Continuada Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade, 2005. (Coleção Educação para todos).
GOMES, Nilma L. A mulher negra que vi de perto. Belo Horizonte: Mazza Edições, 1995.
GUIMARÃES, Antônio Sérgio A. Racismo e anti-racismo no Brasil. São Paulo: Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo, 1999.
INSTITUTO DA MULHER NEGRA - GÉLÉDÉS. Diversidade étnico-racial: consciencia negra na sala de aula. Disponível em: www.geledes.org.br, acessado em setembro de 2011.
LACOSTE, Y. Trechos selecionados de La enseñanza de la geografia. Curso proferido dias 22 e 23 de março de 1985 na Universidade de Salamanca, Espanha, editado em 1986 pelo grupo CRONOS.
LADOUCEUR, Micheline. Índios e negros na geografia brasileira. Boletim de Geografia Teorética, Rio Claro – SP, vol.22 (43-44), p.417-423, 1992.
MUNANGA, Kabengele. Racismo, mestiçagem versus identidade negra. In: ______. Rediscutindo a mestiçagem no Brasil: identidade nacional versus identidade negra. Petrópolis-RJ: Vozes, 1999. pp.110-128.
NASCIMENTO, Elisa Larkin (org.). A matriz africana no mundo. São Paulo: Selo Negro, 2008.
OLIVEIRA, Gabriela da Silva. O Ensino de África nas aulas de Geografia e a implementação da Lei 10639/03, Tamoios. Ano VII. Nº 1, 2011.
RATTS, Alecsandro J. P. A linha do corpo negro desenhando o espaço. Revista Toques de Angola – Instituto Nzinga, Brasília, n.01, nov.2004. pp. 26-27.
SENE, Eustáquio de.; MOREIRA, João C. Trilhas da Geografia: espaço geográfico mundial e globalização. São Paulo: Scipione, 2004 (8ª série – Ensino Fundamental)

RATTS, Alex et al. Representações da África e da população negra nos livros didáticos de Geografia. Revista da Casa da Geografia de Sobral, Sobral, v.8/9, n.1, 2007, p.45-59.

SANTOS, Boaventura S. Geografia escolar – (re)pensar e (re)agir. Finisterra, 52, Lisboa, 1991, pp.429-443.
SANTOS, Renato Emerson dos. Rediscutindo o ensino de geografia: temas da Lei 10.639. Rio de Janeiro: CEAP, 2009.
SANTOS, Hélio. Entrevista: Negro não é problema, é solução. Caros amigos, São Paulo, ano 6, n. 69, dezembro de 2002.
SANTOS, Isabel Aparecida dos. A responsabilidade da escola na eliminação do preconceito racial: alguns caminhos. In: CAVALLEIRO, Eliane (org.). Racismo e anti-racismo na educação: repensando nossa escola. São Paulo: Summus, 2001. pp. 97-113.
SANTOS, Milton. Do cidadão imperfeito ao consumidor mais-que-perfeito. In: ______. O espaço do cidadão. São Paulo: Nobel, 1998, pp. 33-42.
______. As cidadanias mutiladas. In: GERNER, Júlio (org.). O preconceito. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado, 1996, pp. 133-144.
SILVA, Maria Aparecida da. Formação de educadores/as para o combate ao racismo: mais uma tarefa essencial. In: CAVALLEIRO, Eliane (org.). Racismo e anti-racismo na educação: repensando nossa escola. São Paulo: Summus, 2001. pp.83-96.
SILVA, Petronilha B. G. e. Aprendizagem e ensino das africanidades brasileiras. In: Educação, Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade, 2005. pp.155-172.
SOUZA, Lorena F. de. Corpos negros femininos em movimento: trajetórias socioespaciais de professoras negras em escolas públicas. Dissertação (Mestrado). Instituto de Estudos Sócio-Ambientais. Programa de Pesquisa e Pós-Graduação em Geografia, 2007.
Publicado
2017-01-19
Seção
Artigos