PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DOS PACIENTES QUEIMADOS ATENDIDOS NO HOSPITAL GERAL PÚBLICO DE PALMAS, NO PERÍODO 2010/2017

  • Isabella Fonseca Simaan Universidade Federal do Tocantins
  • Jefferson Luís Santos Botelho Universidade Federal do Tocantins
  • Pedro Eduardo Nader Ferreira Universidade Federal do Tocantins
  • Dulce Mourthé Starling Pinheiro Universidade Federal do Tocantins

Resumo

Introdução: O objetivo deste estudo é descrever o perfil epidemiológico dos pacientes vítimas de queimaduras internados no Hospital Geral Público de Palmas, TO. Metodologia: Foram analisados 431 prontuários de pacientes internados no Hospital Geral Público de Palmas, no período entre 01 de Janeiro de 2010 a 31 de Dezembro de 2017. Os dados obtidos foram entrecruzados e analisados utilizando o programa estatístico Microsoft Excel versão 2007.  Resultados: As faixas etárias mais acometidas foram entre 18- 65 anos (51%), seguidos por crianças de 1- 5 anos (18%), sendo a maioria do sexo masculino (65%). Os acidentes foram responsáveis por 34,1% casos, enquanto que em 2,78% ocorreu tentativa de autoextermínio e em 0,92%, agressão. O principal agente de queimadura foi térmico (78%), seguido de agente elétrico (11%). Evidenciou-se que em crianças abaixo de 5 anos o principal agente foi escaldadura, entre 18-65 anos, líquidos inflamáveis, e acima de 65 anos, fogo direto.  Observou-se superfície corporal queimada de médio porte (48,2%), seguida de grande porte (46,6%). O principal local de ocorrência de queimaduras foi em ambiente domiciliar. Foi associada lesão inalatória em 1,63% dos pacientes e 1,2% politrauma. Foram realizadas enxertias e/ou desbridamentos em 97% dos pacientes queimados. Conclusões: O conjunto de dados obtidos demonstra que os pacientes admitidos apresentaram características epidemiológicas semelhantes à outros estudos e permite inferir a necessidade do aumento da quantidade de leitos destinados à internação de queimados no Hospital Geral Público de Palmas para atendimento especializado em queimaduras. Os esforços de prevenção devem se centrar no planejamento de políticas educacionais de prevenção e tratamento de pacientes que sofrem de queimaduras com informações para crianças e adultos na busca de minimizar a ocorrência de queimaduras por falta de informação.

Palavras-chave: Queimaduras; Epidemiologia; Prevenção de Acidentes; Saúde Pública; Cirurgia Plástica.

ABSTRACT

Introduction: The objective of this study is to describe the epidemiological profile of burn victims hospitalized at the General Public Hospital of Palmas, TO. Methods: A total of 431 medical records of patients admitted at the General Public Hospital of Palmas between January first of 2010 and December 31 of 2017 were analyzed. Data were cross-checked and analyzed using the Microsoft Excel statistical program, 2007 version. Results: most of the admitted patients had their age group between 18-65 years (51%), followed by children aged 1-5 years (18%) and most of the patients were male (65%). With regard to intentionality, accidents were responsible for 34.1% of the cases, followed by self-exterminate (2.78%) and aggression (0.92%). The main burn agent was thermal (78%), followed by electric agent (11%). It was evidenced that in children under 5 years the main agent was scalding; between 18-65 years, flammable liquids, and over 65 years, fire. A medium-sized burned body surface (48.2%) was observed, followed by extensive body surface area (46.6%). The main place of occurrence of burns was at the home environment. Inhalation injury was associated with 1.63% of patients and 1.2% with polytrauma. Grafts and/or debridements were performed in 97% of burned patients. Conclusions: The data obtained show that the admitted patients presented similar epidemiological characteristics to other studies and allowed to infer the need to increase the number of beds destined to the hospitalization of burns in the General Public Hospital of Palmas for specialized burn care. Prevention efforts should focus on planning educational policies for prevention and treatment of patients suffering from burns with information for children and adults seeking to minimize the occurrence of burns due to lack of information.

Keywords: Burns; Epidemiology; Accident Prevention; Public Health; Surgery, Plastic.

Biografia do Autor

Pedro Eduardo Nader Ferreira, Universidade Federal do Tocantins

Serviço de Cirurgia Plástica do Hospital Geral Público de Palmas; Serviço de Cirurgia Plástica do Hospital de Olhos de Palmas;Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP); Sociedade Brasileira de Queimaduras; Departamento do Conselho Federal de Medicina do Estado do Tocantins; Universidade Federal do Tocantins, Palmas, TO, Brasil

Publicado
2019-05-06