O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao Editor".
  • Os arquivos para submissão estão em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF (desde que não ultrapassem 2MB)
  • URLs para as referências foram informadas quando necessário.
  • O texto está em espaço duplo; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); 
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na seção Sobre a Revista.
  • A identificação de autoria do trabalho foi removida do arquivo e da opção Propriedades no Word, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares (ex.: artigos), conforme instruções disponíveis em Assegurando a Avaliação Cega por Pares.
  • O título, resumo, as palavras-chave, ilustrações e tabelas seguem as normas descritas nas diretrizes para autores.

Diretrizes para Autores

A Revista de Patologia do Tocantins é um periódico científico eletrônico de periodicidade trimestral, possuindo avaliação por revisores em pares e colaboradores brasileiros e internacionais.

Os autores devem se cadastrar e submeter seus trabalhos através do sistema eletrônico da revista com seu login e senha, criada no momento do cadastro. O autor alimenta os metadados referentes ao trabalho submetido e aos dados pessoais dos autores. Dentre os dados dos autores: Pré-nome; nome do meio; sobrenome; instituição; País; E-mail; Resumo da Biografia (Ex.: formação, departamento, área, especialidade).

Tipos de documentos que o autor deve inserir durante a submissão (passo-a-passo)

* Página de Rosto do trabalho a ser publicado, conforme normas estabelecidas;
* Texto do artigo ou trabalho a ser publicado, conforme normas estabelecidas;
* Autorização do comitê de ética para pesquisa com seres humanos;
* Termo de consentimento livre e esclarecido para relatos de caso.

Tipos de artigos aceitos pela revista

A revista aceita contribuições inéditas, nos idiomas português, inglês ou espanhol de acordo com os tipos abaixo indicados. Por ser um periódico com avaliação duplo cega por pares, qualquer tipo de contribuição deve ser apresentada com:

Página de rosto separada, contendo: título do trabalho (em português ou espanhol e em inglês), nome(s) do(s) autor(es), titulação e vínculo institucional, instituição(ões) do(s) autor(es) - Nome completo da Instituição, Cidade, Estado, País -; dados do autor para correspondência – nome, endereço postal e e-mail -, local onde foi desenvolvido o estudo, fonte de financiamento e bolsas concedidas (se houver), indicação de eventual apresentação do trabalho em eventos, conflito de interesse (se houver). A Folha de Rosto deve ser enviada em um arquivo separado do artigo.

Ressalta-se que os artigos não devem conter dados de autoria nas propriedades do documento, nem em seu conteúdo. Devem ser iniciadas pelo título, seguido do conteúdo, expresso de acordo com o tipo da publicação.

a) Carta ao Editor: máximo 2 páginas de mil palavras (incluindo referências), com até três autores, sem ilustrações, e Página de rosto (separada da Carta ao Editor). A carta ao editor constitui uma oportunidade e um meio pelo qual um leitor poderá expressar uma opinião em favor ou contra um artigo publicado, em conformidade com aspectos éticos a serem julgados pelo corpo editorial da revista, de forma que seja prevenido qualquer teor de ataque ou injúria moral aos autores do artigo comentado.
b) Artigos Originais: trabalhos resultantes de pesquisa ou experiências no campo do ensino em saúde com no máximo 20 páginas, incluindo referências bibliográficas, figuras e notas. Sua estrutura deve conter: Página de rosto (separada do Artigo) e Artigo com título em português ou espanhol e em inglês, resumo, palavras-chave, abstract, key-words, introdução, objetivos, método, resultados, discussão, conclusão e referências. É importante ressaltar que o(s) nome(s), titulação e instituição do (s) autor (es) deverão ser inseridos apenas na folha de rosto, pois as avaliações por revisores em pares são feitas de modo cego. Em suma, os dados de autoria não devem aparecer nas propriedades dos arquivos enviados na submissão.
c) Relato de caso: destinados à publicação de casos especiais, que contribuam com algum caráter de originalidade ou contemplem um relato pouco freqüente na prática clínica. O texto deve ser estruturado em: introdução, descrição do Caso e discussão em até 10 páginas, incluindo as referencias.
d) Revisão de literatura: devem abordar um tema de alta relevância e ser realizados por pesquisadores de grupos de pesquisa com reconhecida experiência na área. A revisão deve ser preferencialmente sistemática e seguir a estrutura prevista para os artigos originais, podendo a sessão resultados estar unida com a sessão discussão; ou ainda ser estruturado de forma narrativa (introdução, desenvolvimento, comentários e referências). Limite de 15 páginas.
e) Comunicações breves: Artigos originais, porém mais curtos, abordando campos de interesse para a revista, com resultados preliminares ou de relevância imediata, devem ter até 1.500 palavras. Incluir no máximo, uma tabela ou figura, além de, no máximo, 15 referências.

Formatação

- Página de rosto:
A página de rosto deve conter:

1. Título do trabalho e versão em inglês;
2. Nome completo dos autores, titulação e vínculo institucional, nome da Instituição por extenso, cidade e país da instituição;
3. Local em que foi desenvolvido o estudo;
4. Endereços postal e eletrônico do autor correspondente;
5. Indicação de órgão financiador do estudo, se for o caso, e de bolsas concedidas;
6. Indicação de eventual conflito de interesse.

Obs.: O autor correspondente deverá assegurar que as seguintes informações sejam providenciadas para cada autor, durante o processo de submissão:
* Endereço completo, incluindo o país, instituição, telefone e email. É de responsabilidade do autor correspondente assegurar que cada autor abra uma conta de usuário no sistema de submissão, com informações atualizadas;
* Detalhes dos agradecimentos;
* Uma afirmação indicando se a aprovação do trabalho por um Comitê de Ética foi necessária e recebida, com o número do processo ou código, bem como o Comitê que expediu o parecer. Todo o trabalho envolvendo pesquisa em seres humanos deve estar de acordo com a Declaração de Helsinki;
* Detalhes de todo e qualquer possibilidade de conflito de interesse. O conflito de interesse se caracteriza, quando um julgamento relacionado a um interesse primário, e genuinamente de interesse comum (por exemplo, a validade do estudo), pode ser influenciado por interesses secundários de âmbito particular (por exemplo, ganhos financeiros, favorecimentos nas inter-relações pessoais ou rivalidade profissional).

- Manuscritos:
* Título e identificação: O título deve ser preciso e conciso, em negrito e centralizado, fonte Arial, tamanho 12, maiúscula, logo abaixo deve constar a versão em inglês, não devendo ultrapassar o número máximo de 18 palavras independente do idioma.

* Resumo: O resumo deverá conter no máximo 300 palavras, não devendo conter parágrafos e citações de autores e datas. Os resumos deverão ser estruturados, os resumos de artigos originais deverão mencionar o objetivo, método, resultados e conclusões. No relato de experiência deverá conter contextualização, descrição da experiência e considerações finais. Nas demais modalidades deverá conter introdução, desenvolvimento e considerações finais.

* Palavras-chave: As palavras-chave devem ser de três a cinco para fins de indexação do trabalho, separadas por ponto e vírgula, pesquisadas nos DeCS - Descritores em Ciências da Saúde.

* Abstract e key-words: O resumo em inglês deverá ser apresentado logo após o resumo em português, seguindo as mesmas normas apontadas anteriormente. A versão em inglês do resumo deve ser fiel à versão em português. As key-words devem ser de três a cinco para fins de indexação do trabalho, separadas por ponto e vírgula, pesquisadas nos DeCS - Descritores em Ciências da Saúde, bem como no Mesh (Medical Subject Headings, da U.S. National Library of Medicine), sendo semelhantes e em igual número às palavras-chave em português. Não usar tradutores eletrônicos.

* Introdução: Deve ser objetiva e conter breve revisão da literatura relatando o contexto e a situação atual dos conhecimentos sobre o tema e apresentação do problema, a lacuna do conhecimento, destacando sua relevância. Devem ser pertinentes e alinhadas ao(s) objetivo(s) do manuscrito, os quais devem estar explicitado(s) ao final desta seção.

* Método (Artigos Originais): O método deve ser descrito de forma clara devendo conter: delineamento do estudo, critérios de inclusão, processo de seleção, amostragem e alocação dos participantes, procedimentos e instrumentos de coleta, critérios de mensuração do desfecho, bem como métodos de análise dos dados de forma a possibilitar reprodutibilidade do estudo. Nos estudos envolvendo seres humanos deve haver referência a existência de um termo de consentimento livre e esclarecido apresentado aos participantes, após a aprovação por Comitê de Ética em Pesquisa.

* Relatos de caso: Nos casos de relatos de caso deve-se descrever detalhadamente a história.

* Resultados (Artigos originais): Apresentar os resultados em sequência lógica, de forma sintética e concisa. Expor os resultados relevantes para o objetivo do trabalho e que são discutidos no artigo. Apresentar tabelas ou figuras de forma a serem autoexplicativas e com análise estatística, se houver, evitando repetir no texto os dados ilustrados.

* Discussão: A discussão deve conter a interpretação dos autores sobre os resultados obtidos e a comparação dos achados com a literatura, comentando e explicando as diferenças encontradas. Deve incluir a avaliação dos autores sobre as limitações do estudo e sobre os seus principais desdobramentos com indicação para novas pesquisas na área. Deve explicitar a contribuição do estudo para a prática e a pesquisa relacionadas à área de conhecimento abordada. Os trabalhos de natureza qualitativa podem juntar as partes resultados e discussão ou mesmo ter nomeações diferentes das partes, sem fugir da estrutura lógica de artigos científicos.

* Conclusões: Apresentar as conclusões relevantes, considerando os objetivos da pesquisa, bem como, indicar caminhos para continuidade do estudo.

* Referências: Todos os autores e trabalhos citados no texto devem constar dessa seção e vice-versa, seguindo os Requisitos Uniformizados para Manuscritos Submetidos a Jornais Biomédicos, elaborados pelo Comitê Internacional de Editores de Revistas Médicas – ICMJE (norma Vancouver). Os títulos de periódicos devem ser escritos de forma abreviada, de acordo com a List of Journals do Index Medicus. Exemplos.

Numerar as referências por ordem de entrada no trabalho e usar esses números para as citações no texto. As citações das referências devem ser mencionadas no texto em números sobrescritos (expoente), sem datas. A lista de referências ao final do trabalho deve ser numerada e apresentada na mesma ordem em que as citações aparecem no texto. Todas as referências citadas no corpo do texto devem constar na lista de referências e vice-versa.

Evitar número excessivo de referências e as de difícil acesso, selecionando as mais relevantes para cada afirmação e dando preferência para os trabalhos mais recentes (5 anos).

Modelos para todos os tipos de citações de artigos, livros, sítios eletrônicos, entre outros, segundo o padrão Vancouver, poderão ser consultados aqui.

Exemplos:

* Artigos

Ziganshin BA, Yausheva LM, Sadigh M, et al. Training young Russian physicians in Uganda: a unique program for introducing global health education in Russia. Ann Glob Health. 2015 Sep-Oct;81(5):627-35. http://dx.doi.org/10.1016/j.aogh.2015.10.007. PMid:27036719.

* Sites de internet:

International Committee of Medical Journal Editors [homepage on the Internet]. Uniform Requirements for Manuscripts Submitted to Biomedical Journals: Writing and Editing for Biomedical Publications [cited 2016 Apr 05]. Available from: http://www.icmje.org

* Livros de autoria conhecida

Puig-Samper MA, Ruiz R, Galera Andres, editors. Evolucionismo y cultura: darwinismo en Europa e Iberoamerica. Aranjuez (Spain): Ediciones Doce Calles; 2002. 407 p.

* Capítulos de livros

Bundy D, Shaeffer S, Jukes M, et al. School-based health and nutrition programs. In: Jamison DT, Breman JG, Measham AR, et al., editors. Disease control priorities in developing countries. 2nd ed. Washington (DC): World Bank; 2006. Chapter 58.

* Livros de autoria não explícita (desconhecida)

Transforming and scaling up health professionals’ education and training: WHO Education Guidelines 2013. Geneva: World Health Organization; 2013.

* Livros de autoria institucional

National Research Council (US) Committee on High School Biology Education; Rosen WG, editor. High-school biology today and tomorrow: papers presented at a conference. Washington (DC): National Academies Press (US); 1989.

- Tabelas, figuras, gráficos e anexos:

Tabelas, quadros e respectivos textos: devem estar em formato editável e incluir apenas os dados imprescindíveis, evitando-se tabelas muito longas (máximo permitido de uma página) ou pequenas, com dados que possam ser descritos no texto. As tabelas devem ser numeradas, consecutivamente, com algarismos arábicos.

Figuras e gráficos: devem estar em boa qualidade e boa resolução (300 DPI ou superior) com os dados legíveis e nítidos. Devem ser citadas e numeradas, consecutivamente, em arábico, na ordem em que aparecem no texto. Deve ser evitado a inserção de figuras e gráficos grandes (máximo permitido de uma página). Figuras de baixa qualidade não serão aceitas e podem resultar em atrasos no processo de revisão e publicação.

- Anexos:

Serão aceitos quando contiverem informação original importante ou algum destacamento que complemente, ilustre e auxilie a compreensão do trabalho. Ao utilizar um anexo, por favor, cite-o em seu texto.

Taxas para publicação

Não são cobradas taxas para publicação.

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.