FORTALEZA NA COPA DO MUNDO: a visão dos turistas estrangeiros sobre a cidade no jornalismo local

Palavras-chave: turismo, imagem, Fortaleza, jornalismo, Imagem, consumo.

Resumo

O artigo tem por objetivo investigar como o jornalismo local apresenta a visão dos turistas estrangeiros sobre Fortaleza durante a Copa do Mundo de 2014. Partindo dos referenciais sobre imagem, discute-se a construção da imagem do Brasil e, mais especificamente, do Ceará. A análise crítica do discurso (ACD), com base nas proposições de Norman Fairclough (2005), é o caminho escolhido para analisar duas notícias publicadas em junho de 2014, nos dois principais jornais da cidade, O Povo e Diário do Nordeste. O foco em qualidades de Fortaleza ajuda a construir uma imagem positiva da cidade para o cidadão local. 

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Silvia Helena Belmino, Universidade Federal do Ceará

Doutora em Comunicação pela Universidade de Brasília (UnB), Mestre em Administração (UNIFOR), Graduada em Comunicação Social (UFC). Professora da Universidade Federal do Ceará (UFC) e  do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UFC. É coordenadora do Grupo de Pesquisa GICEU (Grupo de Pesquisa de Imagem, Consumo e Experiência Urbana). E-mail: silviahelenabelmino@gmail.com.

Alissa Carvalho, Universidade Federal do Ceará

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UFC. Graduada em jornalismo pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Pesquisa jornalismo, cidade e Copa do Mundo. E-mail: alissavcarvalho@gmail.com.

Referências

ALFONSO, Louise Prado. EMBRATUR: Formadora de imagens da nação brasileira. 2006. 150f. Dissertação (Mestrado em Antropologia Social) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2006.

BELMINO, Silvia. A tradição na modernidade ou a (re) significação imagética do Ceará contemporâneo: a propaganda turística dos governos mudancistas (1987-1994). Tese de Doutorado no Programa de Pósgraduação da Faculdade de Comunicação na Universidade de Brasília (UnB), 2011.

_____________. A cidade-sede da alegria: a construção imagética de Fortaleza para a Copa do Mundo de Futebol da Fifa 2014. In: ALAIC, 12, 2014. Lima, Peru. Anais.

BELMINO. S.; SILVA, E. Fortaleza Ceará 2014: imagem e orientação de consumo da cidade-sede da alegria. In: COMUNICON, 4, 2014. São Paulo. Anais.

BENEVIDES, Ireleno. Turismo e PRODETUR: dimensões e olhares em parceria. Fortaleza: Edições UFC, 1998.

BIGNAMI, Rosana. A imagem do Brasil no turismo: construção, desafios e vantagem competitiva. São Paulo: Editora Aleph, 2002.

EMBRATUR. Plano Aquarela 2020. Marketing turístico internacional do Brasil. Brasília: Embratur, 2009.

FAIRCLOUGH, Norman. Análise crítica do discurso como método em pesquisa social científica. In: WODAK, Ruth; MEYER, Michel (eds.). Methods of critical discourse analysis. Londres: Sage, 2005. p. 121-138.

GOMES, M. Marketing Turístico e Violência contra as Mulheres: (des)(re)contruções do Brasil como um Paraíso de Mulatas, Dissertação de Mestrado, Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil, 2009.

HALL, C. Michael. Urban entrepreneurship, corporate interests and sports mega-events: the thin policies of competitiveness within the hard outcomes of neoliberalism. The Editorial Board of the Sociological Review, v. 54, p. 59-70, 2006.

MAINGUENEAU, D. Análise de textos de comunicação. 2 ed. São Paulo: Cortez, 2002, 237p.

MELO, Ranniery. Turista leva imagem positiva do CE. Diário do Nordeste, Fortaleza, p. 10, 29 de junho de 2014.

MINISTÉRIO DO TURISMO. Hospitalidade do brasileiro é destaque na avaliação de turistas internacionais. Disponível em http://bit.ly/1kEMfpr. Acesso em 26 dez 2015.

MOÑINO, L. Fortaleza para frear o México. El País, 16 de junho de 2014. Disponível em: http://bit.ly/1LZBrgl. Acesso em 10 de junho de 2015.

PAGANOTTI, I. Imagens e estereótipos do Brasil em reportagens de correspondentes internacionais. Revista Rumores. São Paulo, v. 1, n. 1, 2007.

PAIVA, Ricardo. A metrópole híbrida: o papel do turismo no processo de urbanização da região metropolitana de Fortaleza. 321f. Tese de Doutorado. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo. São Paulo, 2011.

PESCE, Andressa dos Santos. Rio 2016: representações da cidade no jornal O Globo. 2012, 108f. Dissertação (Mestrado em Comunicação e Informação) – Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012.

PREUSS, H. Lasting effects of major sporting events. Idrottsforum.org, 2006. Disponível em: http://idrottsforum.org/articles/preuss/preuss061213.html. Acesso em: 30 de maio de 2015.

RIES, Al & TROUT, Jack. Posicionamento: a batalha pela sua mente. São Paulo: Pioneira Thomson, 2001

SÁNCHEZ, Fernanda. A reinvenção das cidades para um mercado mundial. Chapecó: Argos, 2010.

SOBRAL, Viviane. O que os estrangeiros levariam de Fortaleza. Jornal O Povo, Fortaleza, 30 de junho de 2014.

Publicado
2016-08-31
Como Citar
BELMINO, S. H.; CARVALHO, A. FORTALEZA NA COPA DO MUNDO: a visão dos turistas estrangeiros sobre a cidade no jornalismo local. Revista Observatório, v. 2, n. 3, p. 246-269, 31 ago. 2016.