Globo Repórter no Twitter: o discurso coletivo dos telespectadores

  • Bianca Pereira da Silva UNIVALI
  • Carlos Golembiewski UNIVALI

Resumo

Este estudo tem por objetivo revelar os comentários do Twitter feitos pelos telespectadores do Globo Repórter durante a exibição do programa. Entre os objetivos específicos estão: um perfil do programa e uma análise histórica do surgimento das redes sociais. A escolha do Globo Repórter se deu porque ele é um dos programas que está há mais tempo no ar na TV brasileira.  Para isso, utilizou-se como referencial teórico: Globo Repórter (Andrade, 2002); (Souza, 2004), (Rezende, 2000); Rede Social na Internet (Recuero, 2009), (Body & Ellison, 2007) e Twitter (Santaella e Lemos, 2009), (Zago,2014). Como método para desenvolver esse estudo, usou-se a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo proposta por Lefévre&Lefévre (2003). Para desenvolver a técnica, foram analisadas duas edições do Globo Repórter e coletados os comentários dos telespectadores por meio da hashtag #GloboReporter, durante a exibição do programa. Entre as conclusões, pode-se dizer que ao assistir o Globo Repórter, a população relaciona a sua realidade com aquilo que é exibido no programa.

Publicado
2017-04-19
Como Citar
SILVA, Bianca Pereira da; GOLEMBIEWSKI, Carlos. Globo Repórter no Twitter: o discurso coletivo dos telespectadores. DESAFIOS, [S.l.], v. 4, n. 2, p. 62-68, abr. 2017. ISSN 2359-3652. Disponível em: <https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/desafios/article/view/3098>. Acesso em: 25 maio 2017. doi: https://doi.org/10.20873/uft.2359-3652.2017v4n2p62.
Seção
Artigos