Exigencias emocionales y la construcción de la identidad en el trabajo de cuidado

Resumo

Estão exposto aqui alguns resultaados de pesquisas desenvolvidas na Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Nacional de La Plata, dirigida pelo Dr. Julio C. Neffa no ano de 2016. A mesma a avaliou os riscos psicosociais do trabalho (RPST) e meio ambiente em uma clínica de saúde privada na cidade de La Plata. O referencial teórico está desenvolvidos em publicações recentes (Neffa, 2015 y Neffa et al, 2017) e para  levantamento de informações  foi aplicado o Questionário Sobre Riscos Psicossociais aplicável na Argentina. A amostra é não probabilística, contempla os diferentes agrupamentos e categorias profissionais. É de interesse neste artigo refletir e fornecer dados sobre as relações entre demandas emocionais no trabalho e a construção da identidade do trabalho, em uma atividade que diz respeito ao trabalho do cuidado e onde prevalece o trabalho emocional.

Biografia do Autor

Patricia S. Galeano, Universidad Nacional de La Plata

Facultad de Psicología de la Universidad Nacional de La Plata

Docente Cátedra Psicología Laboral. Investigadora y extensionista de la Universidad Nacional de La Plata. A cargo de Programas de Prevención de Riesgos psicosociales en el trabajo en organizaciones sindicales de empleados públicos.

Publicado
2019-02-08
Seção
Artigos Teóricos e Empíricos