UMA BREVE REFLEXÃO ACERCA DAS CONTINUIDADES SISTÊMICAS QUE INTEGRAM OS PROCESSOS REVERSOS DA LOGÍSTICA CONTEMPORÂNEA

  • Émerson Dias de Oliveira Dias de Oliveira Universidade Estadual de Londrina
  • Meire Aparecida Branco

Resumo

As implicações sociais que envolvem o uso, acesso e distribuição dos produtos na contemporaneidade, retratam de forma direta um modelo insustentável de sociedade que prevaleceu com maior intensidade principalmente após a segunda metade do século XX. Este cenário tem sido marcado pelo imediatismo consumista e o desinteresse as atrocidades socioambientais que os processos produtivos decorrentes deste padrão industrial ocasionam na qualidade de vida no planeta. Assim, na presente proposta analítica, está em reflexão um breve apanhado bibliográfico acerca das novas tendências logísticas ocorridas na última virada de século, pois ciente das potencialidades finitas da natureza é uma irresponsabilidade sem precedentes a sociedade continuar a pensar um modo de produção desconexo com as dimensões extra-empresariais. Desta feita, a logística reversa como tendência e necessidade das organizações contemporâneas, instrui um esforço conjunto que envolve tanto os setores privados como os públicos no sentido de superar a ultrapassada noção de focar no lucro empresarial, ou seja, é chegado um tempo em que o produto e o cliente exercem um protagonismo fundamental neste processo, pois a sustentabilidade empresarial não depende mais apenas do superávit financeiro, mas também de seu reconhecimento e atuação socioambiental a montante e a jusante seus processos produtivos.

Publicado
2018-11-06