Uma arquegenealogia da potência (do pensamento) comum

Agamben leitor de Aristóteles, Averróis e Dante

Resumo

Pretendemos, neste texto, analisar a arquegenealogia da potência (do comum) desenvolvida por Giorgio Agamben. Para alcançar esse objetivo, nosso texto investiga algumas noções centrais nos pensamentos de Aristóteles, Averróis e Dante, articulando um fio condutor em torno do debate sobre o intelecto, a potência e o comum. A partir dos entrecruzamentos teóricos que vai-se desenvolvendo ao longo das doutrinas de cada pensador, buscamos, em Agamben, fundamentar e concatenar criticamente a doutrina da potência comum, sobremodo voltando-nos à possibilidade de pensar a teoria de uma potência desativadora.   

Publicado
2019-12-14