Revista Perspectivas

Revista do Programa de Pós-Graduação em  Filosofia da Universidade Federal do Tocantins

A Revista Perspectivas é um periódico eletrônico semestral especializado na divulgação de trabalhos científicos no domínio da Filosofia e/ou trabalhos filosóficos em áreas correlatas.

Foco e Escopo

A Revista Perspectivas é um periódico eletrônico semestral especializado na divulgação de trabalhos científicos no domínio da Filosofia e/ou trabalhos filosóficos em áreas correlatas. O seu objetivo é divulgar trabalhos inéditos em português, inglês, francês e espanhol que contribuam para o debate filosófico, sejam eles artigos, ensaios, resenhas, entrevistas, traduções e relatos de experiência. Os textos podem ser enviados conforme o formato de sua natureza, considerando as normas da revista para avaliação rigorosa dos pares, aceite, indexação e publicação. A Revista Perspectivas recebe textos de pesquisadores, estudantes de Pós-Graduação em Filosofia e profissionais da educação. 

Processo de Avaliação pelos Pares

A) Função dos editores: a partir do momento em que o texto é recebido o Comitê Técnico da Equipe Editorial da Revista Perspectivas acusa o recebimento. A equipe se responsabiliza pela avaliação do texto, seguindo os critérios objetivamente estipulados nas normas para publicação de cada natureza textual. O trabalho que não atender as normas não será enviado aos pareceristas e o(s) autor(es) informado da decisão. Cabe, também, à equipe fazer uma triagem para verificar e eliminar do texto qualquer possível identificação do(s) autor(es), antes de enviá-lo aos pareceristas.

B) Avaliação cega por pares: a identificação de autoria do trabalho foi removida do arquivo “Propriedades no Word”, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação dos pares, conforme instruções disponíveis em  Assegurando a Avaliação Cega por Pares.

C) Envio do texto para avaliação: o texto será enviado para submissão sem a identificação do(s) autor(es) somente para dois pareceristas competentes definidos pelo Comitê Técnico da Equipe Editorial, indicando avaliação cega pelos pares. Em caso de posições opostas na avaliação, o texto será enviado para um terceiro parecerista. Os pareceristas devem seguir o prazo indicado pelos editores para avaliar o trabalho e serão lembrados quanto ao mesmo durante esse processo. Um texto para ser publicado precisará necessariamente receber dois pareceres favoráveis.

D) A avaliação: o parecerista deve considerar rigorosamente os critérios de avaliação indicados pela revista e assinalar com um (X) a alternativa cabível, tal como segue: (X) Muito bom; (  ) Bom;   (  ) Insuficiente. Qualquer alternativa assinalada deverá ser justificada ao final da avaliação.

E) O parecer técnico: após a avaliação rigorosa, cada avaliador deve emitir um parecer técnico. Segue: (X) favorável à publicação; ( ) recusa a publicação; ( ) aceite condicional para a publicação.

F) Considerações dos pareceristas: todas as considerações dos pareceristas precisam ser justificadas nos itens dispostos no final da avaliação. Em caso de aceite condicional para publicação, o parecerista deve fazer os apontamentos necessários para que o(s) autor(es) retifique o texto nos quesitos avaliados como deficitários. Eventualmente, pequenas modificações no texto poderão ser feitas pelo Comitê Técnico da Equipe Editorial ou pelo Conselho Editorial da Revista mediante informações técnicas dos pareceristas. Entretanto, em caso de modificações substanciais no texto, o autor terá de refazê-lo.

G) Resposta do Comitê Técnico da Equipe Editorial: após receberem os formulários com as considerações dos pareceristas, os editores o enviarão ao(s) autor(es), estando o texto aprovado ou não. Os formulários serão encaminhados ao(s) autor(es) sem a identificação dos pareceristas.

H) Orientação para o(s) autor(es): em caso de aceite condicional para publicação o autor receberá um novo prazo para entrega do texto e, tão logo os editores o recebam novamente, será reenviado aos pareceristas para que (re)avaliem os conteúdos e modificações textuais.

I) Publicação: as publicações são semestrais de modo que a revista não pode garantir a publicação imediata de todos os trabalhos submetidos, embora emita um parecer ao autor em caso de aceite. A revista possui um banco de dados em que os trabalhos ficam disponíveis para publicação. Tão logo o trabalho seja publicado, o autor será avisado.

J) Manutenção da qualidade: a Revista Perspectivas obedece alguns critérios necessários para avaliação dos trabalhos pelos pares e manutenção da qualidade das edições, considerando as normas da CAPES. Ressalta-se, assim, que a diversidade de autores e instituições participantes por região é o primeiro aspecto a ser considerado pela revista. Não há prioridade por natureza de trabalho para publicação, mas os editores informam que somente um ensaio, uma entrevista, uma tradução e uma resenha serão publicados por edição, considerando a demanda desses trabalhos, isto é, caso haja posição favorável à publicação de dois textos da mesma natureza, apenas um será publicado e o outro arquivado para a edição seguinte. Caso não haja exemplares dessas diferentes naturezas para atender à demanda serão publicados somente os artigos especializados.

 I)  Os pareceristas receberão um certificado de avaliação.

Periodicidade

A Revista Perspectivas é semestral.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...