SOBRE O TEMPO DE INCUBAÇÃO NA VIVÊNCIA COMUNICACIONAL: Em defesa de uma pesquisa das sensações no campo da comunicação.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20873/uft.2447-4266.2016v2Especial2p108

Palavras-chave:

Comunicação, fruição, sensação, incubação

Resumo

O ensaio em questão propõe um procedimento de pesquisa para que se possa estudar a comunicação em todas as suas modalidades, seja ela eletrônica, de massa ou interpessoal. Para tanto, sugere três momentos do processo investigativo caracterizados pelo vivenciar o fato comunicacional, observar suas reverberações sobre aquele que o vivencia e elaborar a partir disso um relato consistente, que servirá para dar substância às necessidades epistemológicas da área. Distancia-se dos estudos da ciência cognitiva e da chamada "pesquisa de recepção" por buscar um componente filosófico e qualitativo na experiência comunicacional.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ciro Marcondes Filho, Universidade de São Paulo

Bacharel em Ciências Sociais e Jornalismo (USP/SP), doutor pela Universidade de Frankfurt (Alemanha), pós-doutor pela Universidade Stendhal de Grenoble (França), titular da Cátedra UNESCO José Reis de Divulgação Científica, Livre-docente (USP).  Professor da ECA-USP e coordena o FiloCom - Núcleo de Estudos Filosóficos da Comunicação. E-mail: ciromarcondesfilho@gmail.com.

Referências

BARTHES, R. [1973]. In: https://www.youtube.com/watch?v=jUgJd2mS3LY, visualizado em junho/2015]

BUBER, M. [1923]. Eu e Tu; Trad., introd. e notas Newton Aquiles von Zuben, São Paulo, Centauro, 2004.

BERGSON, H. [1888]. Essai sur les donnés immédiats de la conscience. Paris, PUF, 1970.

BERGSON, H.i [1896]. Matéria e memória. São Paulo, Martins Fontes, 2006.

astro, Gustavo de [2010]. Jornalismo literário. Uma introdução. Brasília, Casa das Musas, 2010.

DELEUZE, G. [1984]. La voix de Gilles Deleuze, In: http://www2.univ-paris8.fr/deleuze/article.php3?id_article=6 .

Acessado em 3.11.2012.

DELEUZE, G. [1985]. Cinema 2 – L'Image-Temps. Paris, Minuit, 1985.

DELEUZE, G. e GUATRARI, F. [1980]. Mille Plateaux. Capitalisme et Schinophrénie. Paris Minuit, 1980.

DELEUZE, G. e GUATTARI, F. [1991]. O que é filosofia, Editora 34, 2000.

PROUST, M. [1913-1927]. À la recherche du temps perdu. Paris, Gallimard, 1999.

VO FOERSTER, H. [1985]. Sicht und Einsicht. Versuch zu einer operativen Erkenntnistheorie. Braunschweig/Wiesbaden, Friedr. Vieweg & Sohn, 1985.

Publicado

2016-10-30

Como Citar

MARCONDES FILHO, Ciro. SOBRE O TEMPO DE INCUBAÇÃO NA VIVÊNCIA COMUNICACIONAL: Em defesa de uma pesquisa das sensações no campo da comunicação. Revista Observatório , [S. l.], v. 2, n. 4, p. 108–122, 2016. DOI: 10.20873/uft.2447-4266.2016v2Especial2p108. Disponível em: https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/2404. Acesso em: 20 jul. 2024.