GESTAÇÃO EM PACIENTES PORTADORAS DE ANEMIA FALCIFORME

  • Cairo Soares da Silva
  • Verônica Andressa Ortega Coelho

Resumo

A anemia falciforme é a doença hereditária mais comum no Brasil, com estimativa de nascimento em torno de 3.500 crianças com doença falciforme (DF) e 200.000 com traço falciforme. A gestação na DF está associada a um aumento de complicações clínicas maternofetais. A gravidez pode agravar a doença com piora da anemia e aumento da frequência e gravidade das crises álgicas e infecções, além de interferir na evolução normal da gestação. Os riscos materno-fetais incluem: aumento das crises vaso-oclusivas no pré e pós-parto, infecções do trato urinário, complicações pulmonares, anemia, pré-eclâmpsia e até óbito. Por tudo isso, o acompanhamento do pré-natal deve ser diferenciado e iniciado o mais precocemente possível visando diminuir a incidência de complicações e trata- las adequadamente. Além disso, a adoção de condutas adequadas se torna um ponto fundamental durante intercorrências típicas da gestação em DF. Em conjunto, todas essas medidas possibilitam a redução da morbidade e mortalidade materno-fetais nos casos de gestações em portadoras de anemia falciforme.  

Palavras-chave: Falciforme; Gestação; Pré-natal; Anemia.

ABSTRACT

Sickle cell anemia is the most common hereditary disease in Brazil, with estimated birth around 3,500 children with sickle cell disease (SCD) and 200,000 with sickle cell trait. The DF in pregnancy is associated with increased maternal fetal clinical complications. Pregnancy can worsen the disease with worsening anemia and increased frequency and severity of painful crises and infections, in addition to interfering in the normal course of pregnancy. The maternal fetal risks include: increased vaso-occlusive crises before and after childbirth, urinary tract infections, pulmonary complications, anemia, preeclampsia and even death. For all these reasons, monitoring of prenatal care should be differentiated and started as early as possible in order to decrease the incidence of complications and treat them appropriately. In addition, the adoption of appropriate behavior becomes a key point during typical complications of pregnancy in DF. Taken together, all these measures allow the reduction of morbidity and maternal-fetal mortality in cases of pregnancies in women with sickle cell anemia.

Keywords: Sickle Cell ; pregnancy ; prenatal; anemia.

Publicado
2018-12-09
Seção
Revisões de Literatura