A transposição didática aplicada ao ensino de geografia e suas contribuições para a compreensão do conceito de lugar

Palavras-chave: transposição didática, construção acadêmica, conceito de lugar, ensino de geografia.

Resumo

Neste trabalho enfatizaremos a questão da transposição didática aplicada ao ensino de geografia e suas contribuições para a compreensão do conceito de lugar, onde é de suma importância à inserção desse recurso metodológico na elaboração do material didático a ser utilizado pelo docente para facilitar a compreensão dos alunos em sala de aula. Sendo assim, esse artigo tem por objetivo fundamental, realizar uma análise dos diversos aspectos que envolvem a transposição didática e sua importância quanto ao ensino escolar. Realizamos essa pesquisa a partir de um estudo de caso da Escola de Ensino Infantil e Fundamental Coronel Humberto Bezerra, localizada no município de Abaiara, interior cearense. Será feito uma análise sobre a transposição didática como metodologia pedagógica, relatar a produção histórica da geografia acadêmica e escolar no Brasil, a inserção da transposição didática na disciplina de geografia, como também a categoria de lugar a partir da construção acadêmica e escolar.

Referências

ANDRADE, M. C. de. Caminhos e descaminhos da geografia. Campinas: Papirus, 1989.

¬¬_______. Trajetórias e compromissos da geografia brasileira. In: Carlos, Ana Fani Alessandri et. al. (org.). A geografia na sala de aula. 8.ed. São Paulo: Contexto, 2010. p. 9-13.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: geografia. Brasília: MEC/SEF, 1998.

CASTROGIOVALNNI, A. C.; CALLAI, H. C.; KAERCHER, N. A. (org.). Ensino de geografia: práticas e textualização no cotidiano. 10.ed. Porto Alegre: Mediação, 2012.

CHEVALLARD, Y. La transposition didactique: du savoir savant au savoir enseigné. Grenoble: Ed. La Pensée Sauvage, 1991.

FREIRE, P. pedagogia da autonomia: saberes necessários á prática educativa. 36.ed. são Paulo: paz e terra, 1996.

MOREIRA, S. A. G.; MARÇAL, M. da P. V.; ULHÔA, L. M. A didática da geografia escolar: uma reflexão sobre o saber a ser ensinado, o saber ensinado e o saber científico. Revista Sociedade e Natureza, Uberlândia, v. 18, n. 36, p. 23-30, jun.2006. Disponível em: <http://www.seer.ufu.br/index.php/sociedadeenatureza/article/view/9217/5675>. Acesso em: 05 de janeiro de 2015.

NEVES, K. C. R.; BARROS, R. M. de Oliveira. Diferentes Olhares Acerca da Transposição Didática. Investigação de ensino em ciências. v. 16, n. 1, p. 103-115, mar.2011. Disponível em: <http://www.if.ifrgs.br/ienci/?go=artigos&idEdicao=49>. Acesso em: 05 de janeiro de 2015.

PASSINI, Elza. et al. (org.). Prática de ensino de geografia e estágio supervisionado. São Paulo: contexto, 2007.

PONTUSCHKA, N. N.; PAGANELLI, T. I.; CACETE, N. H. Para ensinar e aprender Geografia. 1 ed. São Paulo: Cortez, 2007.

REGO, Nelson. Geografia, educação, linguagem: elementos de uma reconstrução ontológica? Revista da ANPEGE, São Paulo, n. 5, p. 3-15, 2009. Disponível em: <http://www.anpege.org.br/revista/ojs-2.4.6/index.php/anpege08/article/view/24/pdf01>. Acesso em: 24 de novembro de 2015.

STEFANELLO, A. C. Didática e avaliação da aprendizagem no ensino de geografia. São Paulo: Saraiva, 2009.

THIESEN, J. da S. Geografia escolar: dos conceitos essenciais às formas de abordagem no ensino. Revista Geografia Ensino e Pesquisa. Santa Maria, v. 15, n. 1, p. 83-94, jan./abr. 2006. Disponível em: <http://www.ufsm.br/revista/ojs-2.2.2/index.php/geografia/article/view/7379>. Acesso em: 05 de janeiro de 2015.

Publicado
2016-03-21