Refletindo sobre a formação de professores e sua necessária integração curricular

Palavras-chave: currículo, formação de professores, integração curricular

Resumo

O artigo discute algumas situações presentes no cenário educativo que caracterizam fragmentações na formação de professores. Parte daí para refletir sobre princípios de integração curricular, visando à constituição de processos formativos sistemáticos e organizados em um currículo de formação. Sustenta a ideia de que a qualidade dos currículos de formação de professores reverte mudanças qualitativas na construção da Educação Básica e que esta construção é desafio não apenas dos professores, mas das redes e das instituições dedicadas à formação de professores.

Referências

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Conselho Pleno. Resolução N° 2, de Julho/2015. Institui Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial e Continuada em Nível Superior de Profissionais do Magistério para a Educação Básica. Brasília: CNE, 2015.

BRZEZINSKI, Iria. Notas sobre o currículo na formação de professores: teoria e prática. In: SERBINO, Raquel V. et al. (Org.). Formação de professores. São Paulo: Fundação Editora da Unesp, 1998, p. 161-174.

CAMPOS, Maria M. Malta. A formação de professores para crianças de 0 a 10 anos: modelos em debate. In. Educação e Sociedade, ano XX, n. 68, dez. 1999.

______. O Ensino Fundamental de nove anos e as crianças de seis anos. Nuances: estudos sobre Educação. Presidente Prudente: FTC/Unesp, Ano XIII, v. 14, n. 15 jan./dez. 2007, p. 19-27.

CANÁRIO, Rui. A escola tem futuro? Das promessas às incertezas. Porto Alegre: Artmed, 2006.

FERREIRA, Marisa V. Integração curricular em programas de formação de professores: análise do desenvolvimento curricular do Programa PEC Municípios. Doutorado (Tese). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Programa de Pós-graduação em Educação: Currículo, São Paulo: 2008.

FORTE, Ana Maria B. P. X. Formação Contínua: contributos para o desenvolvimento profissional e para a (re)construção da(s) identidade(s) dos professores do 1.º CEB. Mestrado (Dissertação). Instituto de Educação e Psicologia da Universidade do Minho, 2005.

GARCIA, Carlos Marcelo. Formação de professores – Para uma mudança educativa. Portugal: Porto Editora, 1999.

GATTI, Bernardete. Formação de professores e carreira – problemas e movimentos de renovação. Campinas: Autores associados, 2000.

GATTI, Bernardete A.; André, Marli E. D. A.; Gimenes, Nelson A. S. e Ferragut, Laurizete. Um estudo avaliativo do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid). São Paulo: FCC/SEP, 2014. Disponível em https://www.capes.gov.br/images/stories/download/bolsas/24112014-pibid-arquivoAnexado.pdf Acessado em: 15/12/2015.

GIROUX, Henry A. Os professores como intelectuais – rumo a uma pedagogia critica da aprendizagem. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

KRAMER, Sonia. Direitos da criança e projeto político pedagógico de educação infantil. In BAZÍLIO, L. C. e KRAMER, Sonia. Infância, educação e direitos humanos. São Paulo: Cortez, 2003.

LASLEY, Thomas J. e PAYNE, Michael A. Curriculum models in teacher education: the liberal arts and professional studies. In: Teaching & teacher education, vol. 7, n. 2, pp. 211-219, 1991.

MARCELO, Carlos. Pesquisa sobre a formação de professores – O conhecimento sobre aprender a ensinar. In Revista Brasileira de Educação. Anped, n. 9, set/out/nov/dez 1998. Disponível em: <http://www.anped.org.br/rbe/rbedigital/RBDE09/RBDE09_06_CARLOS_MARCELO.pdf>. Acesso em: 30 set. 2007.

NÓVOA, António. Formação de professores e profissão docente. In: NÓVOA, A. Os professores e sua formação. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1997.

______________. Profissão professor. Porto: Porto Editora, 1999.

OLIVEIRA, Zilma de M. R. de; FERREIRA, Marisa V.;BARROS, Joseane Ap. B. de. Formação continuada em educação infantil: a construção de uma agenda de possibilidades. In: GUIMARÃES, Célia. M.; REIS, P. G. R. dos. Professores e infâncias: estudos e experiências. Araraquara: Junqueira e Marin, 2011.

PACHECO, José A. e FLORES, Maria A. Formação e avaliação de professores. Porto: Porto Editora, 2000.

SEVERINO, Antônio J. Preparação técnica e formação ético-política dos professores. In: BARBOSA, Raquel L. L. (Org.) Formação de educadores: desafios e perspectivas. São Paulo: Editora Unesp, 2003.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002.

Publicado
2016-03-21