Ensino de Geografia e prática cidadã no contexto metropolitano

Palavras-chave: Ensino de Geografia, cidade, cidadania, prática cidadã, intervenção didática

Resumo

O presente trabalho apresenta a experiência de uma intervenção didática em uma escola da cidade de Caturaí/GO, cidade essa pertencente à Região Metropolitana de Goiânia/GO. O texto versa sobre a efetivação do projeto intitulado “Movimentos populacionais e prática cidadã em Caturaí” em uma turma do sétimo ano do Ensino Fundamental II. A intervenção didática foi desenvolvida no primeiro semestre do ano de 2014 por uma equipe formada por quatro professores do Instituto de Estudos Socioambientais, dez discentes de graduação em Geografia e três discentes do Programa de Pós-Graduação em Geografia, todos da Universidade Federal de Goiás – UFG. A execução do projeto resultou em atividades com alunos mais diretamente ligadas ao planejamento e gestão da cidade. Por esse motivo, o objetivo foi analisar a efetividade da Geografia na atuação cidadã tendo como referência as práticas desses alunos nos espaços cotidianos (Cavalcanti, 2001; Lefebvre, 1991). Para isso, faz uma discussão teórica sobre cidade, cidadania e prática cidadã, utilizando orientações teórico-metodológicas de autores de referência na área. Em seguida, apresenta cinco elementos do desenvolvimento metodológico do projeto de intervenção didática com base na pesquisa colaborativa. E por fim, mostra resultados da experiência didática com os conteúdos geográficos abordados sobre população que potencializaram os alunos a atuarem como sujeitos na gestão da cidade. Contudo, por meio do ensino de Geografia, pondera que essa intervenção didática é uma das possibilidades de propiciar ao aluno cidadão a formação de uma cidadania democrática, crítica e participativa a partir do estudo e vivência na cidade. Ou melhor, as aulas de Geografia podem possibilitar uma melhor compreensão aos alunos sobre a vida urbana, a cidadania e a prática cidadã.

Referências

CALLAI, Helena Copetti. A Formação do Profissional da Geografia: o professor. Ijuí: Ed. Unijuí, 2013. (Coleções ciências sociais).

CARLOS, Ana Fani A. A Cidade. São Paulo: Contexto, 1992.

CAVALCANTI, Lana de Souza. Geografia da Cidade. Goiânia: Alternativa, 2001.

______. Cidade e vida urbana: a dinâmica do/no espaço intra-urbano e a formação para a participação em sua gestão. In: (__). A Geografia escolar e a cidade. Campinas, SP: Papirus, 2008. pp. 105-124.

______. A cidadania, o direito à cidade e a Geografia escolar – elementos para o estudo do espaço urbano. In: (__). A Geografia escolar e a cidade. Campinas, SP: Editora Papirus, 2008.

______. Lugares periféricos da cidade, vida cotidiana e o ensino de geografia. A Geografia escolar e a cidade. Campinas, SP: Editora Papirus, 2008.

______. A cidade ensinada e a cidade vivida: encontros e reflexões no ensino de Geografia. In: ______ (org.). Temas da Geografia na escola básica. Campinas: Editora Papirus, 2013. pp. 65-94.

HARVEY, David. A liberdade da cidade. In: MARICATO, Hermínia (org.). Cidades Rebeldes. São Paulo: Boitempo: Carta Maior, 2013. pp. 27-34.

IBIAPINA, Ivana Maria Lopes de Melo. Pesquisa Colaborativa, Investigação, formação e produção de conhecimentos. São Paulo: Liber Livros, 2008.

LEFEBVRE, Henri. O direito à cidade. São Paulo: Ed. Moraes, 1991. pp. 45-66.

MARCONDES, Maria Inês. A prática de ensino e a pesquisa sobre o saber prático dos professores. In: ROMANOWSKI, Joana Paulin; MARTINS, Pura Lúcia Oliver; JUNQUEIRA, Sérgio Rogério Azevedo. Conhecimento local e conhecimento universal: Pesquisa, Didática e Ação Docente. Curitiba: Champagnat, 2004.

MARTINS, H. H. T. de. Metodologia qualitativa de pesquisa. In: Educação e pesquisa. v.30, n.2. São Paulo, maio/ago, 2004.

Publicado
2016-03-21