Análise de políticas públicas e a expansão do agronegócio

o caso do Programa de Desenvolvimento do Oeste do Tocantins -PRODOESTE

  • Samuel Correa Duarte Universidade Federal do Tocantins

Resumo

O presente artigo discorre sobre um projeto de expansão agrícola criado pelo governo do Estado do Tocantins denominado PRODOESTE – Programa de Desenvolvimento do Oeste do Tocantins. Nesse sentido enfoca-se a formação da agenda de política agrícola e a inserção do Estado do Tocantins nesse quadrante político. Destaque para o caráter subdesenvolvido do capitalismo agrário brasileiro e sua relação de dependência para com os grandes centros econômicos e financeiros mundiais. Numa respectiva regional aborda-se o desenvolvimento da agricultura no cerrado e o avanço da fronteira agrícola no Estado do Tocantins. Argumenta-se que o crescimento econômico do setor agrícola sem reformas estruturais é insuficiente para superar a relação de dependência regional a que o Tocantins está submetido e internacional no que tange à agenda exportadora do Brasil.

Biografia do Autor

Samuel Correa Duarte, Universidade Federal do Tocantins
Professor Assistente do quadro permanente do curso de Serviço Social campus UFT/Miracema
Publicado
2018-10-16