Censo florestal de uma ilha fluvial no reservatório Luís Eduardo Magalhães, Porto Nacional – Tocantins

  • Sirlei de Fátima Vodonis Universidade Federal do Tocantins
  • Raylon Frota Lopes UFT
  • Kerliane Pereira Galvão Antunes de Oliveira
  • Eveny Coelho da Silva
  • Newton Cândido de Assis
  • Rodney Haulien Oliveira Viana
  • Solange de Fátima Lollis

Resumo

Este estudo foi realizado em uma ilha fluvial localizada no município de Porto Nacional, Tocantins. O local fica próximo à área urbana, e foi formado após o barramento do rio Tocantins. O objetivo do trabalho foi descrever a composição florística e a estrutura da vegetação arbórea da ilha, visando ampliar o conhecimento sobre a vegetação do estado além de contribuir com a conservação da área. Foram incluídos na amostragem todos os indivíduos com circunferência maior ou igual a 10cm, obtidos a 30cm do solo, no qual foram amostrados 439 indivíduos, distribuídos em 29 espécies e 17 famílias respectivamente. A família com maior representatividade de espécies foi Fabaceae (oito), seguida de Arecaceae (quatro), Annonaceae e Dilleniaceae (duas). O índice de Shannon (H'= 2,64) mostrou uma diversidade não muito elevada no local amostrado, a área basal total foi de 307,73m2/ha.

Publicado
2018-10-17