Revista Observatório https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio <p>[PT]<strong>&nbsp;</strong>A&nbsp;<strong>Revista Observatório</strong>&nbsp;é um periódico trimestral, com foco na discussão acadêmica e em estudos interdisciplinares avançados no campo da Comunicação, do Jornalismo e da Educação. A revista nasce internacionalizada, possuindo editores no Brasil, Cabo Verde, Moçambique e Portugal. Recebe em fluxo contínuo, textos em português, espanhol, inglês e francês para as seções artigos, dossiê temático, ensaios, entrevista, resenha e temas livres. (ISSN nº 2447-4266) [Qualis 2016 -&nbsp;<strong>Comunicação e Informação</strong>: B2,<strong> Ensino</strong>: B2, <strong>Ciência Política e Relações Internacionais</strong>: B3, <strong>Planejamento Urbano e Regional/ Demografia</strong>: B3, <strong>Serviço Social</strong>: B3, <strong>Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo</strong>: B4, <strong>Letras/Linguística</strong>: B5]</p> <p><strong>[EN]&nbsp;</strong>The <strong>Observatório Journal</strong>&nbsp;is a quarterly journal, focusing on academic discussion and advanced interdisciplinary studies in the field of Communication, Journalism and Education. The magazine is born internationalized, having publishers in Brazil, Cape Verde, Mozambique and Portugal. It receives in continuous flow, texts in Portuguese, Spanish, English and French for the sections articles, thematic dossier, essays, interview, review and free themes. (ISSN nº 2447-4266)&nbsp;[Qualis 2016 -&nbsp;<strong>Comunicação e Informação</strong>: B2,<strong> Ensino</strong>: B2, <strong>Ciência Política e Relações Internacionais</strong>: B3, <strong>Planejamento Urbano e Regional/ Demografia</strong>: B3, <strong>Serviço Social</strong>: B3, <strong>Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo</strong>: B4, <strong>Letras/Linguística</strong>: B5]</p> <p><strong>[ES]&nbsp;</strong>El<strong>&nbsp;Observatorio Magazine</strong> es una revista trimestral, se centra en la discusión académica y estudios interdisciplinarios avanzados en el campo de la Comunicación, Periodismo y Educación. La revista nace internacionalizado, teniendo editoriales en Brasil, Cabo Verde, Mozambique y Portugal. Recibe el streaming, texto en portugués, español, Inglés y Francés secciones de artículos, dossier temático, ensayos, entrevistas, revisión y temas libres. (ISSN nº 2447-4266)&nbsp;[Qualis 2016 -&nbsp;<strong>Comunicação e Informação</strong>: B2,<strong> Ensino</strong>: B2, <strong>Ciência Política e Relações Internacionais</strong>: B3, <strong>Planejamento Urbano e Regional/ Demografia</strong>: B3, <strong>Serviço Social</strong>: B3, <strong>Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo</strong>: B4, <strong>Letras/Linguística</strong>: B5]</p> <p><strong>[FR]</strong> L'<strong>Observatoire Journal&nbsp;</strong>est une revue trimestrielle, en mettant l'accent sur la discussion académique et les études interdisciplinaires avancées dans le domaine de la communication, du journalisme et de l'éducation. Le magazine est né internationalisé, ayant des éditeurs au Brésil, Cap-Vert, le Mozambique et le Portugal. Reçoit le streaming, le texte en portugais, espagnol, anglais et français sections pour des articles, dossier thématique, des essais, interviews, revue et thèmes gratuits. (No ISSN 2447-4266).&nbsp;[Qualis 2016 -&nbsp;<strong>Comunicação e Informação</strong>: B2,<strong> Ensino</strong>: B2, <strong>Ciência Política e Relações Internacionais</strong>: B3, <strong>Planejamento Urbano e Regional/ Demografia</strong>: B3, <strong>Serviço Social</strong>: B3, <strong>Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo</strong>: B4, <strong>Letras/Linguística</strong>: B5]</p> pt-BR <p><strong>[PT]&nbsp;Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:&nbsp;</strong></p> <p>1. Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista, sem pagamento, o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a&nbsp;<a href="http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/deed.pt"><strong>Creative Commons Attribution License&nbsp;</strong>(CC BY-NC 4.0)</a>,&nbsp;permitindo o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria do trabalho e publicação inicial nesta revista.&nbsp;</p> <p>Leia todos os termos dos direitos autorais&nbsp;<a href="https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/direito">aqui</a>.&nbsp;</p> gilsonporto@mail.uft.edu.br (Francisco Gilson Rebouças Porto Junior) nelsonrusso.unesp@gmail.com (Prof. Dr. Nelson Russo de Moraes) Ter, 31 Jul 2018 07:57:54 -0300 OJS 3.1.1.2 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 EXPEDIENTE https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5680 <p>Expediente Vol. 4, n. 5 (2018)</p> ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5680 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 (MULTI)LETRAMENTOS, CIBERCULTURA E CULTURAS MIDIÁTICAS REGIONAIS https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5681 <p>A <strong>Revista Observatório</strong> apresenta seu quinto número de 2018, com capa produzida pelo colega, professor e artista Adriano Alves da Silva, trazendo dois dossiês especiais! O <strong>primeiro</strong>, intitulado <strong>(MULTI)LETRAMENTOS, FORMAÇÃO DOCENTE E TECNOLOGIAS NA CIBERCULTURA</strong>, foi organizado pelos colegas Dra. Obdália Santana Ferraz Silva e Dra. Úrsula Cunha Anecleto, ambas da Universidade Estadual da Bahia (UNEB) e tem o objetivo de socializar as pesquisas sobre diversidade de práticas de letramentos que se desenvolvem na sociedade contemporânea. O <strong>segundo</strong>, intitulado <strong>MÍDIA, MEMÓRIA E CULTURA REGIONAL</strong>, foi organizado pelos colegas Dra. Karina W. Janz e Dr. Sérgio Luiz Gadini ambos do Grupo de Pesquisa Jornalismo Cultural e Folkcomunicação da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), e &nbsp;tem como foco a memória e a cultura regional em face da (oni)presença das produções midiáticas.</p> Obdália Santana Ferraz Silva, Úrsula Cunha Anecleto, Karina Janz Woitowicz, Sérgio Gadini, Nelson Russo de Moraes; Francisco Gilson Rebouças Porto Junior ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5681 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 O APLICATIVO WHATSAPP EM CONTEXTOS EDUCATIVOS DE LETRAMENTO DIGITAL: Possibilidades e desafios https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/3964 <p>Este artigo tem como objetivo enriquecer a discussão sobre o uso de dispositivos móveis (<em>m-learning</em>) em contextos educativos de letramento digital. Apresenta um relato de experiência sobre o uso do aplicativo <em>Whatsapp</em> no processo de aprendizagem e interação&nbsp; entre os servidores da Universidade Federal do Tocantins, formandos no módulo 1 “ <em>Conhecendo a sua universidade"</em> do Curso Integração do&nbsp; servidor na UFT 2016. O <em>Whatsapp</em> foi usado como um ambiente virtual de aprendizagem na atividade 3 do referido módulo. Embora tenha ocorrido uma resistência inicial de alguns formandos diante da proposta, os resultados foram positivos. O texto contempla também as dificuldades encontradas&nbsp; nesta experiência de forma a contribuir para novos estudos que contemplem as tecnologias móveis na educação.</p> Bento Duarte da Silva, Elaine Jesus Alves ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/3964 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 PRÁTICAS DE LETRAMENTO EM CONTEXTO QUILOMBOLA: uma perspectiva social, crítica e discursiva da linguagem https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5618 <p>Esta pesquisa busca analisar práticas de letramento em um contexto quilombola, partindo de um contexto micro, a sala de aula, para um contexto macro, a comunidade, buscando compreender, em última instância, a inter-relação das práticas processadas nesses dois contextos. Como referência para a análise, adotamos as contribuições da Sociolinguística (Antunes, 2008; Bagno, 2002, 2007; Bortoni-Ricardo, 2005) e dos Estudos do Letramento (Kleiman, 1995; Rojo, 2009; Soares, 2003; Street, 2007, 2008; Street e Street, 2004; Tfouni, 2006), entre outros. Os resultados da pesquisa relevam que a forma como o grupo colaborador utiliza o letramento em sua vida diária varia conforme as diferentes concepções de leitura e escrita e de linguagem, bem como de acordo com os diferentes usos dos letramentos que se materializam nos diferentes domínios sociais da comunidade.&nbsp;</p> <p>&nbsp;</p> <p>&nbsp;</p> Vera Aparecida de Lucas Freitas, Edinei Carvalho dos Santos ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5618 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE PORTUGUÊS COMO LÍNGUA MATERNA NA BAHIA: reflexões sobre o mesmo tema? https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5628 <p>Neste artigo, defendemos que, ao focalizar um curso de formação continuada de professores de PLM, é imprescindível levar em consideração que o domínio da língua alvo a ser ensinada e da metodologia a ser empregada nesse processo são de suma relevância para alimentar a dinâmica e a qualidade da prática pedagógica. No entanto, os aspectos relativos à dimensão formativa do professor no que diz respeito a suas ações políticas e ao seu papel transformador da realidade são também parte essencial de sua formação e responsável pelo desenvolvimento de posturas didático-pedagógicas mais sensíveis aos sujeitos envolvidos nas práticas de ensinar e aprender línguas, as quais têm ocupado um lugar secundário nos programas de formação de professores, sobretudo os governamentais.</p> <p>&nbsp;</p> Ivana Sacramento, Edleise Mendes ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5628 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 AULAS DE PORTUGUÊS NA ERA DIGITAL: que dizem certos alunos? https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5629 <p>O ensino de Português, numa dimensão histórica, é abordado sob diferentes concepções referentes à língua/linguagem que lhe trouxeram influências, conforme Geraldi (1984). A linguagem, como forma de interação, concepção que revoluciona o ensino de Português, impõe outro tratamento metodológico desse objeto, em que o uso social da língua, em situações relativas ao falar, ouvir, ler e escrever, poderia ganhar importância. A essa concepção se agrega outra, com o alargamento do mundo textual digital, exigindo o redimensionamento metodológico do ensino do objeto aludido. Que dizem certos alunos sobre isso?&nbsp; Essa intenção move o artigo em questão, tendo as reflexões de Soares (2002; 2009;), Rojo e Barbosa (2015), Coscarelli e Ribeiro (2011), Xavier (2008), Lévy (2010), entre outros, como base.</p> Mary de Andrade Arapiraca, Lícia Maria Freire Beltrão, Jurene Veloso dos Santos Oliveira ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5629 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 OS MULTILETRAMENTOS NA FORMAÇÃO DOCENTE CONTINUADA E O ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5633 <p>A formação docente continuada tem sido preocupação de diferentes esferas públicas, desde a federal até a municipal, uma vez que o professor é o elemento-chave na melhoria da qualidade do ensino. Assim o objetivo deste artigo é analisar atividades propostas em um curso de formação continuada oferecido na modalidade a distância, em âmbito federal. É alvo de análise neste trabalho as atividades propostas no curso de especialização “Educação na Cultura Digital – Língua Portuguesa – Ensino Médio”, parceria MEC-SEB-Proinfo/Universidade Federal de Santa Catarina (LANTEC). A análise das atividades do curso oportuniza o levantamento de características que buscam fomentar os multiletramentos dos professores-cursistas envolvidos na formação, no atual contexto educacional, é urgente que os professores se apropriem de novas linguagens, novas mídias, dos multiletramentos. O pressuposto teórico que embasa a pesquisa é a pedagogia dos multiletramentos, proposta pelo Grupo de Nova Londres (GNL), em 1996.</p> Liliane Pereira da Silva Costa ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5633 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 AMBIENTE MOODLE E AMPLIAÇÃO DO LETRAMENTO DIGITAL: experiência com gênero emergente fórum de discussão https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5632 <p>Descreve experiência interativa com o ambiente Moodle no componente Educação a Distância, ministrado no curso presencial de Pedagogia, da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Reflete sobre essa plataforma como esfera pública, que corresponde a um espaço dinâmico na ampliação dos letramentos digitais, a partir de práticas de leitura e de escrita mediadas pelo gênero emergente fórum de discussão. Esse gênero permitiu ao discente construir e socializar textos autorais, ampliando a interação e a participação nesse ambiente virtual. Este trabalho apresenta reflexões dos alunos sobre o processo de interação e de construção coletiva de textos, atentando-se para as relações comunicativas e de problematização do conhecimento tecidas por eles.</p> Úrsula Cunha Anecleto ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5632 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 ENTRE TRAJETÓRIAS E HISTÓRIAS: a formação do professor-leitor https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5617 <p>Este estudo analisa as histórias de leitura que integram a trajetória leitora pessoal e de início à docência de graduandos do curso de Licenciatura em Letras Vernáculas da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Tomadas como práticas socioculturais e eixo de conhecimento, as histórias de leitura favorecem o entendimento dos percursos de letramento do futuro professor de Língua Portuguesa. Com o objetivo de compreender como os processos de formação do professor leitor se constituem nas experiências pessoais e acadêmicas, o estudo ancora-se em dois campos teóricos, a saber, formação de professores e leitura. Os resultados apontam relevantes aspectos sobre formação do profissional de Letras, sobretudo o seu trabalho pedagógico com formação de leitores e sua própria relação com a leitura.</p> Fabíola Silva de Oliveira Vilas Boas, Dinéa Maria Sobral Muniz ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5617 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 CIBERVÍDEOS E MULTILETRAMENTOS NA EDUCAÇAO ONLINE https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5619 <p>Pensando a partir das análises sobre multiletramentos, buscamos aprofundar conhecimentos a respeito dos vídeos na cibercultura, tendo como base a Educação Online. Em estudo exploratório, seis cibervídeos foram mapeados e serão abordados ao longo do texto: hipervídeo, microvídeo, videoaula, videoconferência, vídeo volátil e webinar. O objetivo principal é entrelaçar os cibervídeos com as produções, as teorias e as narrativas dos praticantes ciberculturais que emergiram de uma Oficina de Produção de Cibervídeos. O método para investigação foi a Pesquisa-formação na cibercultura, desenvolvida na graduação em Pedagogia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. O esforço em conversar com os dados oriundos do campo nos conduziu às seguintes noções subsunçoras: “videodocência” e “ciberexperiência audiovisual”.&nbsp;</p> Edméa Santos, Vivian Martins ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5619 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 POESIA AUDIOVISUAL: protagonismo criativo nas mídias digitais https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5630 <p>O presente artigo tem como objetivo apresentar os resultados de um projeto de intervenção pedagógica desenvolvido numa escola da rede municipal de Santo Amaro-BA. Os alunos foram estimulados a explorar múltiplas linguagens, associando linguagem verbal, imagens, sons e movimento, construindo textos multimodais que foram disponibilizadas num aplicativo desenvolvido especialmente para o projeto de intervenção. O aplicativo <em>Poesia Audiovisual</em> permite que os usuários façam seus cadastros, postem, comentem e compartilhem suas criações poéticas, explorando a multimodalidade e promovendo a interação comunicativa de modo dinâmico, permitido que os estudantes exercitem o seu protagonismo no contexto das mídias digitais.</p> Adauto Damião dos Santos, Patrício Nunes Barreiros ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5630 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 AÇÕES PEDAGÓGICAS EM CONTEXTOS DE MULTILETRAMENTOS DIGITAIS: desafios ao docente dos anos iniciais do ensino fundamental https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5631 <p>Este estudo propõe reflexões sobre as ações pedagógicas que envolvem os multiletramentos, desenvolvidas por professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental, no cotidiano da sala de aula. Partimos do princípio de que a apropriação dos artefatos tecnológicos digitais, por crianças, adolescentes e jovens, está cada vez mais intensa, oferecendo-lhes oportunidades de conectar-se ao mundo. Assim sendo, educadores são desafiados a imergir nesse contexto para compreenderem-no criticamente, a fim de construírem conhecimentos que ampliam, aprofundam, dão relevância e pertinência aos conteúdos que deverão ser ensinados pelo professor, visando à promoção de situações de aprendizagem que atendam às demandas postas aos sujeitos pela sociedade atual. Assim, com docentes, foram engendrados diálogos e reflexões sobre a organização de um currículo que forme professores do Ensino Fundamental I para o desenvolvimento de ações significativas de leitura e escrita, como práticas sociais, tecidas pelas linguagens multimodais e multissemióticas, as quais são possibilitadas pelas tecnologias digitais.</p> Obdália Santana Ferraz Silva, Sirlaine Pereira Nascimento dos Santos ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5631 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 CINEMA E FOLKCOMMUNICATIONS: uma análise baseada no filme "Coco" https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5686 <p>O presente artigo reflete desde a perspectiva da folkcomunicación em torno da apropriação da cultura popular mexicana por parte da indústria cinematográfica de Hollywood por meio do filme premiado Cóco. A partir de uma caracterização qualitativa e uma análise baseada na teoria folkcomunicacional é proposto como uma hipótese de que o filme se apropria de uma herança cultural presente no México como é o Dia dos Mortos. No entanto, a festividade associada aos falecidos fazem parte de uma base cultural que está presente em toda a América Latina e em diferentes culturas do mundo em face da expressão transversal da morte.</p> Cristian Yáñez Aguilar, Arturo Figueroa Gunther ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5686 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 REPRESENTAÇÕES DE EXPRESSÕES POÉTICAS DO CANDOMBLÉ NA TV BAHIA https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4859 <p>Este artigo analisa representações sobre expressões poéticas do candomblé em narrativas jornalísticas audiovisuais da TV Bahia, que difundem modos de ver e de pensar, atualizando, desse modo, o sincretismo religioso como fenômeno cultural próprio da Bahia. São ideias que reatualizam o pensamento dominante de negação das relações sociais de classe e raciais e que promovem cultura popular como festa, não no sentido das manifestações e expressões festivas que são parte da cultura afro-brasileira, mas tão somente como registro de eventos.</p> Gisélia Castro Silva ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4859 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 DISCURSO ANTICOMUNISTA: Apropriações e construções do jornalismo do interior de Santa Catarina e Paraná em 1964 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4333 <p>Este artigo se propõe a analisar o modo como a figura do comunista foi discursivamente significada pela imprensa do interior brasileiro durante o primeiro ano do golpe civil militar, em 1964. Para isso, foram utilizados os jornais <em>Caiçara </em>e <em>O Comércio</em>, fundados nas cidades de Porto União, Santa Catarina, e União da Vitória, Paraná, produtores de notícia durante o período político em questão. O aparato metodológico utilizado baseia-se na Análise de Discurso de linha francesa (PÊCHEUX, 2008; ORLANDI, 2010) e parte da concepção do jornalismo como atividade que pode, potencialmente, construir e significar socialmente a realidade (TUCHMAN, 1976; BERGER &amp; LUCKMANN, 1998).</p> Karina Janz Woitowicz, Elaine Schmitt ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4333 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 (RE) PENSAR A CULTURA: subvenção da mídia regional e da identidade https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4875 <p>Repensar, conceitualmente, sobre cultura e as contribuições no campo da mídia regional tendo como exemplo uma emissora de televisão do Estado do Ceará, cuja característica perpassa a identidade é o objetivo deste artigo. Numa abordagem teórico conceitual traçamos uma argumentação macro, metodologicamente embasada numa pesquisa qualitativa e bibliográfica para adiante descrever, empiricamente, num procedimento de Estudo de Caso (YIN, 2001) a TV Diário, da cidade de Fortaleza, do Sistema Verdes Mares como demonstração de um produto que nutre e vivifica a cultura regional. Conclui-se que a cultura é identificadora e representativa de padrões, de modismos, mas também de tradições e valores.&nbsp;</p> Maria Érica de Oliveira Lima ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4875 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 MÍDIA E CULTURA REGIONAL NAS PESQUISAS EM JORNALISMO: Um retrato da tematização e análise do agendamento cultural nos estudos realizados na UEPG entre 2010 e 2015 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4763 <p>A integração da pesquisa e extensão ao ensino de Jornalismo da Universidade Estadual de Ponta Grossa marca uma história recente no curso de graduação e no Programa de Pós-Graduação na instituição. A partir de 2004, docentes e estudantes da UEPG passam a desenvolver estudos, integrando os eixos conceituais mídia/cultura/cidadania. Em parceria com movimentos e grupos sociais da região, foram realizadas atividades extensionistas e de investigação, impulsionando também a produção de textos acadêmicos (artigos e ensaios) publicados ou apresentados em eventos da área em nível regional ou nacional. O levantamento dos textos sistematizados entre 2010 e 2015, aqui apresentado, revela as perspectivas interdisciplinares e integradoras da extensão e pesquisa ao ensino profissional em Jornalismo.</p> Sérgio Gadini ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4763 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 ESVAZIAMENTO DO SUJEITO PELO DISCURSO: mídia e a prática do esquecimento https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5687 <p>Esse trabalho pretende compreender como a mídia esvazia de sentido determinado segmento da sociedade, a exemplo do afrodescendente, historicamente subalternizado e esquecido já no próprio ato da abolição, que foi feita em dois parágrafos. Livre, o ex­­-escravizado não adquiriu cidadania de fato, saindo da condição de mercadoria para o nada de condição. Parafraseando Rancière, o homem foi substituído pelo discurso sobre o homem, este sendo esvaziado midiaticamente em sua subjetividade. Pretendo trabalhar com o conceito de memória, de Pollack e Pierre Nora. A base teórica desse trabalho também se apoia em Jacques Rancière em Frantz Fanon e Muniz Sodré.</p> Zilda Martins Barbosa ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5687 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 A CANTORIA DE IMPROVISO NAS ONDAS DO RÁDIO: Novos locutores, novos públicos, variados formatos https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5688 <p>O rádio, de acordo com a proposta aqui apresentada, entra em cena como um dos principais meios de propagação da cantoria de improviso, evidenciando as múltiplas funções desempenhadas por este veículo de informação em espaços onde outras fontes se faziam ausente. Neste sentido, surgem reflexões que se nutrem não apenas de fontes teóricas, mas também da memória dos cantadores, cujas falas revelam aspectos e lembranças que findam por confirmar como tal <em>media</em> estava inserida nas práticas cotidianas, de modo que a distribuição da programação orquestrava as mais diversas atividades, contribuindo decisivamente para a formação de um imaginário que unia fantasia e realidade, tendo o improviso como fundo musical e motivando a formação não apenas de apreciadores de repente, mas de novos cantadores.</p> Andréa Betânia da Silva ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5688 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 EXPERIÊNCIAS DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO NUM CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS: sentidos e interações nos espaços de formação https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4187 <p>Neste trabalho discutimos a trajetória de um grupo de acadêmicos, do curso de letras, nas atividades práticas da disciplina Estágio Supervisionado, destacando como ocorrem as interações no percurso entre a universidade e a escola campo.&nbsp; Na perspectiva discente, analisamos a formação inicial do professor, os momentos nos quais as experiências foram mais significativas nos espaços de aprendizagem, considerando as relações contratuais e polêmicas referentes às atividades vinculadas ao estágio, como: orientação teórica, processo burocrático, planejamento e docência. Com base nos relatos de relatos de experiência gerados por meio de entrevistas semiestruturadas, que constituem nosso <em>corpus</em>, analisamos como os espaços de aprendizagem se constituem coadjuvantes nas experiências docentes, com potencialidades para interferir na construção de concepções em relação à profissão escolhida.&nbsp; Para tanto, embasamo-nos nas discussões sobre as interações no espaço em uso na perspectiva da sociossemiótica, considerando as proposições em torno da problemática do espaço.</p> Tânia Maria Oliveira Rosa, Luíza Helena Oliveira da Silva, Elias da Silva ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4187 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 CONFLITOS CONTEMPORÂNEOS: A Categoria Refugiado no Telejornalismo Brasileiro https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4237 <p>Entender a complexidade da mobilidade humana, em pleno século XXI, faz-se necessário não apenas na agenda dos direitos humanos, mas nos meios de comunicação social. Por meio de uma Análise de Conteúdo Qualitativa referente a cinco meses dos telejornais Jornal Nacional e Jornal da Record e, posteriormente, a uma Análise de Discurso de quatro peças, foi possível verificar que esses meios não tem o cuidado de diferenciar as variações existentes dentro das migrações, como os refugiados, por exemplo, atualmente protagonistas de grandes conflitos. Para embasar teoricamente o estudo foram utilizadas as Teorias da Comunicação e a hipótese de <em>Agenda-Setting</em>, assim como a influência de agências internacionais na pauta da mídia nacional e as Representações Sociais de Serge Moscovici.</p> <p>&nbsp;</p> <p><strong>PALAVRAS-CHAVE: </strong>Refugiado, Imigração, Telejornalismo, Agenda-Setting, Representação Social.</p> <p>&nbsp;</p> <p>&nbsp;</p> <p><strong>ABSTRACT</strong></p> <p>Understanding the complexity of human mobility in the 21st century is necessary not only in the human rights agenda, but in the media. Through a Qualitative Content Analysis referring to five months of the Jornal Nacional and Jornal da Record television newsletters and, later, a four-part Discourse Analysis, it was possible to verify that these media are not careful to differentiate the existing variations within the Migrations, such as refugees, for example, currently leading major conflicts. To theoretically base the study, we used the Communication Theories and the Agenda-Setting hypothesis, as well as the influence of international agencies on the national media agenda and the Social Representations of Serge Moscovici.</p> <p>&nbsp;</p> <p><strong>KEYWORDS: </strong>Refugee; Immigration, Television Journalism, Agenda – Setting, Content analysis.</p> <p>&nbsp;</p> <p><strong>&nbsp;</strong></p> <p><strong>RESUMEN</strong></p> <p>Entender la complejidad de la movilidad humana, en pleno siglo XXI, se hace necesario no sólo en la agenda de los derechos humanos, sino en los medios de comunicación social. Por medio de un Análisis de Contenido Cualitativo referente a cinco meses de los telediarios Diario Nacional y Jornal da Record y posteriormente a un Análisis de Discurso de cuatro piezas, fue posible verificar que esos medios no tienen el cuidado de diferenciar las variaciones existentes dentro de las mismas, migraciones, como los refugiados, por ejemplo, actualmente protagonistas de grandes conflictos. Para basar teóricamente el estudio se utilizaron las Teorías de la Comunicación y la hipótesis de Agenda-Setting, así como la influencia de agencias internacionales en la pauta de los medios nacionales y las Representaciones Sociales de Serge Moscovici.</p> <p>&nbsp;</p> <p><strong>PALABRAS CLAVE:</strong> Refugiado, Inmigración, Teleperiodismo, Agenda-Setting, Representación Social.</p> Liege Scremin Mizga, Susana Salvaterra Trovão ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4237 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 BENEFÍCIOS PEDAGÓGICOS DO USO DE EQUIPAMENTOS CELULARES EM SALA DE AULA https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4579 <p>A utilização do telefone celular em sala de aula tem alcançado visibilidade diante de seu inadequado uso, que gera insatisfação tanto nos professores e equipe envolvida no órgão institucional quanto dos alunos. Em consideração a essa conjuntura a proposta da Aprendizagem Significativa vai ao encontro da necessidade apresentada através de uma dinâmica interacional que sugestiona um adequado uso do aparelho eletrônico. O presente artigo visa propostas de execução dos princípios contidos na teoria de Ausubel e Vygotsky. Foi constatado que os professores, depois de conscientizados, buscaram métodos além do estímulo-resposta. No entanto, barreiras como a não-estimulação da autonomia obtida na formação precisam ser superadas.</p> <p><strong>&nbsp;</strong></p> <p>&nbsp;</p> Jocyléia Santana dos Santos, Erisnalva Pereira da Silva, Isabel Auler Cristina Pereira ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4579 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 O CINEMA AFRICANO TECENDO REDES EDUCATIVAS E DE SUJEITOS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES NA MUNICIPALIDADE DE JUIZ DE FORA https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4143 <p>Ao fruir um filme a convite de um ou uma cineasta, saímos sempre dessa experiência com algo novo dentro de nós. Isso porque, durante o mergulho na(s) história(s) tramada(s) pelas imagens, estas também nos penetram profundamente. Conectam-se as redes presentes dentro de nós, sacudindo-as e tecendo novos fios. É para a descoberta de alguns desses fios que este texto convida o leitor. Origina-se de uma pesquisa de doutorado em curso, que objetiva, por meio da perspectiva histórico-cultural, apreender uma ou possíveis contribuições do cinema africano para o ensino da história do continente africano e da abordagem de suas culturas em salas de aula. Trata-se de reflexões iniciais tecidas a partir de um recorte do campo de pesquisa procurando enxergar as redes evidenciadas – pelo encontro das praticantes – em torno do cinema africano.</p> Senakpon Fabrice Fidèle Kpoholo, Maria Teresa de Assunção Freitas ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4143 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 O ENSINO E APRENDIZAGEM NO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4173 <p>A finalidade desta pesquisa versa em compreender como são construídas as ações didáticas que envolvem o curso de Educação Física na modalidade a distância, oferecido pela Universidade Federal do Amazonas, no Campus do município de Parintins-AM. A metodologia adotada foi baseada no paradigma qualitativo, mediante a análise e discussão dos dados foram amparados pela técnica da análise de conteúdo. Os sujeitos da pesquisa foram dezesseis estudantes que cursam o último período do curso e um tutor presencial. Apesar de ter na unidade universitária professores presenciais e tutores onlines, optamos, pois, em trabalhar apenas com as categorias estudantes e tutor presencial.&nbsp; Os dados apontaram para fragilidades que atentam diretamente à qualidade do curso pesquisado. Dentre as fragilidades mais recorrentes estão a falta de acompanhamento sistemático no ambiente <em>online </em>e nos estágios supervisionados no campo de atuação desses estudantes e a falta de diálogo entre professores e estudantes nas interfaces.</p> Marcelo Maximo Purificação, Leandro Jorge Duclos da Costa, Maria Teresa Ribeiro Pessoa, Maria Luzia da Silva Santana ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4173 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 IMAGINÁRIOS, REPRESENTAÇÕES E AMAZÔNIA:análise da construção de sentidos nos discursivos das ONGs Greenpeace e WWF https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4910 <p>Este trabalho analisa os discursivos das ONGs Greenpeace e WWF utilizados para disseminar informações sobre a Amazônia no período entre 2010 e 2016. Durante o processo de análise discursiva de 39 textos diferentes, notou-se que os sentidos de Amazônia efetivam-se por meio de quatro categorias: “globalização econômica”, “poder simbólico”, “natureza imaginária” e “sociodiversidade artificial”. Os resultados da pesquisa apontam que as ONGs Transnacionais Ambientalistas Greenpeace e WWF, utilizando-se de vários recursos discursivos, buscam produzir imagens da Amazônia de acordo com as suas perspectivas de mundo e impor a aceitação globalizada dessa imagem como realidade.</p> <p>&nbsp;</p> Jonas da Silva Gomes Junior ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4910 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 UM OLHAR CANETTIANO SOBRE O UNIVERSO FAMILIAR E SOCIAL https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4652 <p>Este estudo propõe um olhar sobre a dramaturgia do escritor búlgaro Elias Canetti (1905- 1994), prêmio Nobel de Literatura em 1981. A peça escolhida para análise é <strong>O casamento</strong> (<em>Hochzeit</em>), de 1932, a qual revela uma visão tragicômica e crítica do mundo e do sujeito modernos<a href="#_ftn1" name="_ftnref1">[1]</a>. O texto dramático de Canetti, ao flertar com o psicodrama, impregna os diálogos das personagens com crueza e uma pesada realidade humana. Nesta abordagem, ao enfocarmos o processo criativo e estético e os temas desenvolvidos na peça em análise, partimos do pressuposto de que não há como falar da obra do autor sem remeter primeiro a sua trajetória, uma vez que há uma relação umbilical entre língua e pátria que também perpassa suas escolhas temáticas e sua dramaturgia.</p> <p>&nbsp;</p> <p><a href="#_ftnref1" name="_ftn1"><sup><sup>[1]</sup></sup></a> No presente artigo, a leitura do termo “moderno” deve seguir referências a ele efetuadas por Canetti, ou seja, moderno como sujeito da modernidade.</p> Roseli Bodnar, Márcia Regina Schwertner ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4652 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 CONSTRUÇÃO IDENTITÁRIA NO FACEBOOK: escrita da (pós)verdade? https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4675 <p>As relações de poder permeiam a sociedade. A internet, em especial no que tange as redes sociais, propiciou que informações estejam disponíveis a quem quiser acessar. Isso não deixa de ser uma forma de concessão de poder que, antes do seu surgimento, estava concentrado nos canais de informação jornalísticos, tais como rádio, televisão e jornais impressos. Se nos tempos de Platão a preocupação era com a circulação dos discursos escritos sem um autor, com a divisão entre discursos falsos e discursos verdadeiros, na contemporaneidade existe um movimento que se preocupa com a chamada pós-verdade: a conquista da opinião pública com menos influência de fatos objetivos. Esse tipo de discurso tem implicações não só no meio jornalístico, mas também na construção identitária dos sujeitos. Diante disso, esse artigo tem como objetivo promover uma reflexão acerca da rede social <em>Facebook</em> como um espaço de escrita de si estabelecendo relações entre as noções de (pós)verdade e de identidade nesse ambiente virtual de interação social.</p> Valéria Silveira Brisolara, Bruna Helena Rech Rocha ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4675 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 PRÁTICAS PEDAGÓGICAS CURRICULARES: uso das tecnologias na contemporaneidade. https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4659 <p>O trabalho intitulado: Práticas Pedagógicas Curriculares e uso das tecnologias na contemporaneidade. Buscou compreender o currículo e sua relação com a prática pedagógica, utilizando as tecnologias educacionais no ensino fundamental de nove anos. Para alcançar os objetivos, utilizou-se de revisão bibliográfica, com embasamento teórico na legislação educacional e autores, tais como: Anastasiou (2004), Kensky (2007), Lévy (1998), Perrenoud (2000), Sacristán (2000), Vasconcelos (1996), entre outros. No decorrer da pesquisa buscou-se desenvolver análise qualitativa. Quanto aos resultados, os mesmos foram satisfatórios, pois possibilitaram a busca de novas pesquisas direcionadas as práticas pedagógicas, curriculares e uso das tecnologias no ensino fundamental de nove anos.</p> José Damião Trindade Rocha, Clerislene da Rocha Morais Nogueira, José Luis dos Santos Sousa, Graciene Reis de Sousa ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4659 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 ESTRATÉGIAS PARA DECODIFICAR FOTOGRAFIAS ADVINDAS DE TEORIAS FLUSSERIANAS: um exercício com fotorretrato criado por Richard Avedon https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4891 <p>O objetivo deste artigo é avaliar o potencial comunicativo de fotorretratos, por Richard Avedon, por meio de sua decodificação. Para tanto, apresentamos, inicialmente, reflexões sobre as teorias de Flusser relativas à imagem técnica, com foco na fotografia; em seguida, apresentamos sugestões de estratégias para decodificar fotografias e as aplicamos na análise de um fotorretrato elaborado por Richard Avedon. Este artigo é importante por elaborar um percurso para análise de fotografias, valendo-se de teorias flusserianas.</p> Maria Ogécia Drigo, Rafael Bernardo Eisinger ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4891 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 HIPERCONECTIVIDADE E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS DIGITAIS EM ESTUDOS DE PÓS-GRADUAÇÃO https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5203 <p>O conceito de hiperconectividade faz parte central desse artiago perante o desnvolvimento de competências digitais em estudantes e graduados do Mestrado em Gestão e Desenvolvimento Social da Universidade de Guadalajara, no âmbito das estratégias propostas pela Conferência Mundial de Educação Superior. Uma outra discussão foi desenvolvida em torno da dialética das Sociedades do Conhecimento no contexto das Ciências Sociais e Humanas. O trabalho ou mostra como a facilidade da conexão permanente com a Internet influência o desenvolvimento de novas competências digitais e sociais com as quais contribui para o alcance de objetivos institucionais como a ONU, a UNESCO e a OCDE.</p> <p><strong>&nbsp;</strong></p> <p>&nbsp;</p> Claudia Ávila González, Juan David Covarrubias Corona ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5203 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 O JULGAMENTO DO HABEAS CORPUS 126.292/SP PELO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL SOB A ÓPTICA DO PENSAMENTO DE NEIL MACCORMICK SOBRE ARGUMENTAÇÃO DA DECISÃO JUDICIAL https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4976 <p>O artigo analisa o julgamento da ação de <em>habeas corpus</em> 126.292/SP pelo Supremo Tribunal Federal, ocorrido em 17 de fevereiro de 2016, no qual, a partir do exame do conceito e dos limites do princípio da presunção do estado de inocência, passou-se a admitir a execução da pena após a decisão confirmatória da condenação pelo juízo de segundo grau. O estudo apresentado toma como referência a teoria de argumentação de Neil MacCormick, especialmente considerando que o acórdão atende aos elementos essenciais que devem constar em uma decisão judicial, quais sejam, consistência, coerência e universalidade. Inicialmente, disserta-se sobre o conceito do princípio da presunção de inocência, bem como sua natureza jurídica. No segundo tópico do artigo, busca-se resumir o teor da decisão em estudo, para a seguir ponderar acerca dos argumentos contidos nos votos dos ministros, para posteriormente analisar os termos do acórdão sob o prisma do proposto por Neil MacCormick. Conclui-se que a decisão atende ao requisito da universalidade, porém não satisfaz plenamente aos requisitos da coerência e consistência, especialmente considerando ter sido tomada por maioria de votos bem como com a análise dos argumentos nela contidos. A metodologia utilizada é bibliográfica, doutrinária, legislativa e jurisprudencial.</p> Martonio Mont’Alverne Barreto Lima, Rafael Gonçalves Mota ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4976 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 ESTÉTICAS DO CONSUMO A PARTIR DO ECOSSISTEMA PUBLICITÁRIO https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4873 <p>A pesquisa “estéticas do consumo” integra os estudos do GESC<sup>3</sup> pautados no BIP – Banco de Imagens Publicitárias da USP e tem como objetivo entender as recorrências estéticas das manifestações de produtos/marcas, como anúncios publicitários, vitrines, etc., pautados no entendimento dos <em>meeting points</em> (DI NALLO, 1999) e na evidência de que estamos vivendo a “spreadable media” (Jenkins, Ford &amp; Green, 2013).&nbsp; Para entender quais são as tendências estéticas e porque se corporificam de determinadas maneiras, buscamos referências sobre os rituais de consumo (MCCRACKEN, 2003), e as relações entre estética e sociedade (LIPOVETSKY &amp; SERROY, 2013). A metodologia foi composta por chamada criativa online, análise semiótica de peças publicitárias e estudo etnográfico. A conciliação da reflexão teórica e pesquisa empírica, nos permitiu desvendar seis eixos conceituais que expressam esteticamente o consumo.</p> Clotilde Perez ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4873 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 MODELO DE APURAÇÃO DE CUSTOS EM UNIVERSIDADES FEDERAIS https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5307 <p>A Gestão das Universidades Federais, por serem organizações complexas e de responsabilidade pública, tem se tornado cada vez mais desafiadora, o que leva à necessidade de promover o seu aperfeiçoamento. Este trabalho tem como objetivo apresentar uma proposta metodológica de apuração de custos adequada às necessidades da Universidade Federal do Tocantins – UFT. A pesquisa é um estudo de caso de natureza qualitativa, pois se buscou estudar a teoria existente e aplicar a uma dada realidade. O modelo foi fundamentado no Activity based Cost (ABC) para a geração de informações como instrumento de apoio à Gestão. A técnica de cálculo de custos ABC prevê o monitoramento das atividades que acarretam os maiores custos, sendo estes alocados aos produtos, possibilitando, dessa forma, a análise dos custos.</p> Ana Lúcia Medeiros, Michelle M.S.L. Trombini Duarte ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5307 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS: uma análise a partir dos documentos institucionais https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5349 <p>O objetivo deste artigo é analisar a implantação da Política de Assistência Estudantil na Universidade Federal do Tocantins a partir dos documentos institucionais, fundamentados na revisão bibliográfica. A pesquisa se caracteriza como descritiva, de abordagem qualitativa, utilizando a pesquisa documental como técnica para coleta de dados. Os resultados demonstraram que desde a criação da Política de Assistência Estudantil da UFT, em 2005, os programas oferecidos foram modificados, buscando abranger todas as áreas do PNAES, porém, essa política ainda se encontra aquém do ideal. A análise dos relatórios institucionais mostra o crescimento da Política de Assistência Estudantil da UFT e os caminhos da gestão para sua consolidação, mas com relação a transparência das informações são necessários aperfeiçoamentos.</p> Keile Aparecida Beraldo, Nathanni Marrelli Matos Mauricio, Waldecy Rodrigues ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5349 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 PARA A GESTÃO DA APRENDIZAGEM https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5350 <p><strong>RESUMO</strong></p> <p>Neste trabalho procuramos estruturar uma diretriz epistêmica para o conceito de gestão da aprendizagem e estabelecer o contraponto com estrutura tradicional do pensamento educativo referenciada pela gestão do ensino. Não tivemos a pretensão de historicisar os conceitos, o que propomo-nos é uma discussão contextualizada na crítica contemporânea aos modelos tradicionais de ensino. Trata-se de um estudo ensaístico bibliográfico que aborda a gestão da aprendizagem como uma proposta pedagógica possível na medida em que cada aprendente possa a ser sujeito na aprendência e a linearidade classificatória dá lugar as redes de colaboração da aprendizagem. Entende-se que a aprendência orientada pela gestão da aprendizagem precisa ser delimitada pela contextualização da aprendência; a mediação pedagógica e a avaliação integradora. Assim, é necessário apropriar-se da autonomia para ligar o ainda desconhecido ao já conhecido, indo da superficialidade das informações à profundidade dos conhecimentos. Precisamos avançar e construirmos currículos capaz de apreender as dinâmicas das aprendizagens, para isso é preciso superar os modelos de organização fundados em princípios da gestão do ensino em que o tempo administrativo sobrepõe ao tempo de aprendizagem.</p> José Lauro Martins ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5350 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 APRENDER A DESAPRENDER PARA UMA APRENDIZAGEM TRANSFORMADORA: um olhar epistemológico https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5636 <p>O presente trabalho corresponde a uma reflexão sobre várias teorias e abordagens à aprendizagem e sua relevância na formação de agentes sociais, reflexão que emerge da prática da formação, e levando em conta o fato de que o significado do que significa aprender e como é isso O que se aprende não está no centro da discussão nas universidades da América Latina, em que se dá mais ênfase ao que ensinar do que a como ensinar.</p> <p>&nbsp;</p> <p><strong>PALAVRAS-CHAVE: </strong>Aprendizado; desaprendizado; reaprendizado e educação permanente.</p> José Manuel Salum Tomé ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5636 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 NOVAS FORMAS DE SER E DE ESTAR NA CONTEMPORANEIDADE: o enlace entre aprendizagem e tecnologia digital em uma perspectiva sócio-dígito-inclusiva https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4203 <p>Falar em tecnologia e aprendizagem na contemporaneidade é trazer para a cena discussões que envolvem as novas formas de ser e de estar no mundo mediadas pelas tecnologias digitais. Diferentes maneiras de conviver, de trabalhar, de se comunicar, de cuidar da saúde, de estudar surgem todos os dias do turbilhão transformações que acontecem diariamente resultado da interação das pessoas com as tecnologias digitais. As salas de aula que até então eram lugares consagrados de aprender coabitam com cenários diversos nos quais a aprendizagem pode acontecer mediada pelas tecnologias digitais e telemáticas.&nbsp;&nbsp;Destarte, discutir e refletir sobre a aprendizagem e as tecnologias digitais em ambientes não escolares tem caráter de urgência no cenário atual e é este desafio que o livro<strong>&nbsp;Tecnologias &amp; Aprendizagens: Delineando novos espaços de interação</strong>&nbsp;traz como seu tema central.</p> Janaina dos Reis Rosado ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4203 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 JOGOS DIGITAIS E APRENDIZAGEM: fundamentos para uma prática baseada em evidências https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4135 <p>O livro "Interfaces entre Games, Pesquisa e Mercado" é uma obra organizada em 11 capítulos, distribuídos em três trilhas temáticas que dialogam entre si, apresentando resultados de pesquisas sobre games digitais que vêm sendo realizadas no Brasil, sob distintas perspectivas e articulações.</p> Velda Gama Alves Torres ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/4135 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 APRENDER COM O SOFRIMENTO https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5635 <p>Resenha do livro:&nbsp;OLIVEIRA, Clara Costa et al. <em>Aprendizagem e sofrimento: narrativas</em>. Santa Cruz do Sul, RS: EDUNISC, 2012</p> Aluízio Augusto Carvalho Santos, Ivany Câmara Neiva ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5635 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300 Diretrizes para Autores / Declaração de Direito Autoral e Política de Privacidade https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5682 <p><strong>Diretrizes para Autores / Declaração de Direito Autoral e Política de Privacidade</strong></p> ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/observatorio/article/view/5682 Qua, 01 Ago 2018 00:00:00 -0300