Da IGREJA AO SINDICATO

A TRAJETÓRIA DO NOVO SINDICALISMO EM FRANCA-SP

  • Tito Flávio Bellini Nogueira de Oliveira Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Resumo

Este trabalho analisou o surgimento do chamado novo sindicalismo em Franca-SP, na categoria dos operários calçadistas, a partir de um retrospecto da constituição histórica do setor industrial e do movimento sindical sapateiro, até o desenvolvimento de suas relações com a Igreja e, em particular, com a Pastoral Operária. Foi realizada ainda uma breve comparação entre o perfil sindical adotado antes e depois da chamada virada sindical, sendo o anterior mais conciliador e assistencialista, e o segundo mais combativo, e classista.

Publicado
2019-04-23