A “VILANIA” DOS SANTOS:

COBRANÇAS DE PROMESSAS E CASTIGOS DIVINOS

  • MÁRCIO DOUGLAS DE CARVALHO E SILVA UFPI

Resumo

Fazer promessa aos santos é o recurso encontrado pelo devoto nos momentos de necessidade extrema com a finalidade de ter seu problema resolvido o mais rápido possível, mediante uma retribuição após o recebimento do milagre. O objetivo desse artigo é analisar as “penalidades” sofridas pelos devotos de São Gonçalo quando não pagam suas promessas; estas não são perdoadas nem em caso de morte do fiel. Verifico também outras penalidades sofridas por aqueles que tratam o pagamento da promessa com “desdém”. Os santos não perdoam promessas não pagas e castigam aqueles que não retribuem o que lhe devem de forma satisfatória. Seriam os santos vingativos? De benfeitores agem como “vilões” em alguns momentos? Utilizei como metodologia a História oral e a etnografia, que envolveu a realização de entrevistas com os devotos e a observação dos rituais de pagamento de promessa

Publicado
2018-10-16