“ESSA É A HISTÓRIA NOSSA, DO MEU TEMPO PRA CÁ”: MEMÓRIA, POESIA E MARTÍRIO NO DOCUMENTÁRIO EXPEDITO, EM BUSCA DE OUTROS NORTES

  • Janailson Macêdo Luiz Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará

Resumo

Lançado em 2007, o documentário Expedito, em busca de outros nortes, retrata por intermédio de diversos relatos orais de memória e recursos poéticos, musicais e imagéticos, a trajetória do sindicalista Expedito Ribeiro de Souza, assassinado em Rio Maria-PA, em 1991. O artigo problematiza as imagens sobre a vida e a atuação política de Expedito constituídas pelo filme, através da análise de algumas opções realizadas pelos seus diretores e produtores durante a constituição da narrativa. Ao reunir memórias de pessoas que compartilharam dos mesmos espaços vida e de luta de Expedito, assim como efetuar uma apropriação dos rastros deixados pelo sindicalista, a obra se constitui não somente como um importante lugar de memória sobre o legado por ele deixado e acerca da luta pela terra na Amazônia brasileira no contexto da redemocratização, mas autoriza certas leituras sobre a vida de Expedito e ressignificações sobre sua morte, solidificando sua inserção entre os mártires da luta pela terra.

Publicado
2017-08-26