POR UM RETORNO AO TEXTO E SEUS (DIS)SABORES: PESQUISAS SOBRE LITERATURA NO PROFLETRAS

Resumo

Este artigo discorre a respeito da formação do leitor literário no contexto escolar e os caminhos trilhados por pesquisadores, professores mestrandos pelo ProfLetras. Para isso, após uma reflexão sobre os desafios que se apresentam para o problema, analisa cinco dissertações, selecionadas aleatoriamente, entre as produções das cinco regiões do país. A abordagem panorâmica serve como provocação para a necessidade de sistematização do que se tem produzido no âmbito de um programa em rede nacional que tem como questão central responder às demandas da prática docente.

Biografia do Autor

Luiza Helena Oliveira da Silva, UFT - Universidade Federal do Tocantins

Professora dos Programas de Pós-graduação em Letras (PPGL), Mestrado Profissional em Letras em Rede Nacional (ProfLetras) e Mestrado em Estudos de Cultura e Território (PPGCult), da Universidade Federal do Tocantins, câmpus de Araguaína.

Márcio Araújo de Melo, Universidade Federal do Tocantins

Coordenador do Programa de Pós-graduação em Letras: Ensino de Língua e Literatura da Universidade Federal do Tocantins (PPGL/UFT). Docente do Programa de Mestrado em Letras em Rede Nacional (ProfLetras) da UFT. Desenvolve pesquisas em literatura e ensino. 

Referências

BARBOSA, G. P. Aula de língua portuguesa no ensino fundamental: a prática de análise linguística em perspectiva. 2018.158f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) – Universidade Federal do Tocantins. ProfLetras. Araguaína/TO, 2018

BRASIL. Parâmetros nacionais curriculares: terceiro e quarto ciclos do ensino fundamental: língua portuguesa. Brasília: MEC/SEF, 1998.

BRASIL. Parâmetros curriculares nacionais do ensino médio. Brasília: MEC/SEMT, 1999.

BRASIL. Orientações curriculares nacionais do ensino médio. Brasília: MEC/SEMT, 2006.

BRASIL. Base nacional comum curricular: ensino médio. Brasília: MEC, 2018.

BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2000.

COLOMER, T. Andar entre livros: a leitura literária na escola. São Paulo: Global, 2007.

COSSON, R. Círculos de leitura e letramento literário. São Paulo: Contexto, 2014.

DUARTE, F. P. C. A memória na sala: o gênero diário íntima e a (re)construção da identidade. EntreLetras, Araguaína, v.7, n. 2, p. 60-74, 2016.

DOLZ, J.; SCHNEUWLY, B. Gêneros orais e escritos na escola. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2011.

FERREIRA, K. M. L. A palavra pelas palavras: o haicai como acesso ao texto literário. UFMG, 2016. 135f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) - Universidade Federal de Minas Gerais. Profletras. Belo Horizonte/MG, 2016.

GREIMAS, A. J. Da imperfeição. São Paulo: Hacker, 2002.

GREIMAS, A. J.; A. J., FONTANILLE, J. Entretien. In: FONTANILLE, J. (Org.). Langue française: sémiotique et enseignement du français. Paris: Larousse, nº 61, p. 121-128, 1984.

LANDOWSKI, E. O olhar comprometido. Galaxia, n. 2, p. 17-56, 2001.

MELO, M. A.; SILVA, A. A. Ensino a literatura: diversidade e fronteira. Polifonia, v. 18, n. 24, p. 110-123, 2011.

MENDONÇA, S. C.; NEGRÃO, A. C. A. A escrita do gênero textual conto na 4ª etapa EJA: uma experiência com sequência didática. In: BRITO, A. R. et. al. (Orgs.) Divulgando conhecimentos de linguagem: contando experiências de ensino de língua e literatura. Acre: NEPAN, 2017, p. 287-312.

MORAIS, J. H. S. Literatura (com)tempo: intervenções a partir de crônicas em uma escola pública alagoana. 2016. 114f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) - Universidade Federal de Alagoas. Faculdade de Letras. ProfLetras. Maceió/AL, 2016.

OLIVEIRA, P. C. De Saint-Exupéry a Limeira: uma leitura comparativa de o pequeno príncipe. 2017. 182f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) - Universidade Estadual de Maringá, Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes. ProfLetras, 2017.

ROUXEL, A.; LANGLADE, G. Apresentação dos organizadores franceses. In: ROUXEL, A.; LANGLADE, G.; REZENDE, N. L. (Orgs.) Leitura subjetiva e ensino de literatura. São Paulo: Alameda, 2013, p. 19-24.

SILVA, V. D. Do conto ao hiperconto: uma estratégia de ensino e aprendizagem em língua materna. UFAC, 2016. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) - Universidade Federal do Acre. ProfLetras. Rio Branco, 2018, 105f.

SOLÉ, I. Estratégias de leitura. 6. ed. Porto Alegre: Artmed, 1998.

SOUZA, E. A. Leitura literária e contação de histórias: perspectivas para as narrativas literárias no ensino fundamental. 2016. 108f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) - Universidade do Estado de Mato Grosso. ProfLetras. Cáceres/MT, 2016.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE. Resolução n. 001/2014/Conselho Gestor, de 23 de abril de 2014.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE. Resolução n. 002/2018/Conselho Gestor, de 11 de setembro de 2018.

Publicado
2018-10-28

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)

<< < 1 2